“Já levei rabo quente”, afirma Fátima no Encontro; expressão de duplo sentido deu o que falar na web

Publicado há 2 anos
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na edição desta quarta-feira (10) do Encontro com Fátima Bernardes, André Curvello, repórter do formato, revelou ter ficado ‘constrangido’ ao ouvir uma conversa entre Fabrício Carpinejar e Mel Fronckowiak, convidados do matinal.

“‘Ah, eu uso rabo
quente’, ‘eu não uso rabo quente’. Aí eu fiquei muito constrangido e perguntei,
muito timidamente, o que é o rabo quente”, disse o jornalista. “O que é isso?!”,
indagou a comunicadora, também espantada.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“É tipo uma resistência
que você leva na marteira, que é uma bolsa propícia pra colocar a térmica, o
mate, a erva, e em qualquer lugar você coloca a água na térmica, põe a
resistência e liga na tomada”, explicou a famosa.

“Temos imagem. Eu já levei rabo quente e não sabia que o nome era esse. Quando eu fui na Copa no Japão. Já levei rabo quente e não sabia. Levei pra fazer sopa, fiquei com medo de não gostar da comida coreana”, declarou Fátima. Na web, os fãs do programa logo foram se manifestar.

Veja:

Imagem da resistência apelidada de ‘rabo quente’ (Reprodução/TV Globo)
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio