Ivete Sangalo desabafa durante o Domingão do Faustão: “Brasil é um país racista”

A cantora foi um dos maiores destaques da noite na atração

Publicado há 18 dias
Por Henrique Carlos
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No final de tarde deste domingo (27), o Domingão do Faustão exibiu mais uma edição do Troféu Mário Lago, premiação para os artistas mais importantes do país. Além de nomes como Roberto Carlos e Caetano Valoso, Ivete Sangalo recebeu uma das principais estatuetas.

“Agradeço a Fausto pelo amor e parceria nessa minha estrada, e a vocês sempre por me levarem a lugares incríveis da emoção. Assistam!”, disse a cantora em uma publicação em sua conta no Instagram. Mas vários outros famosos também foram lembrados.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Durante seu discurso, Ivete fez um grande pronunciamento sobre o racismo, que se tornou um dos assuntos mais comentados do país e no mundo nos últimos meses. Ela fez questão de ressaltar que o Brasil é um país racista, homofóbico e que fecha os olhos para o feminicídio.

Mas acho que há de haver um reconhecimento das nossas falhas como sociedade. Nosso país é o país que mais mata homossexuais no mundo, o Brasil é um país racista? Não, o Brasil é um país racista, homofóbico, de feminicídio e de ataque às minorias, que não são minorias”, afirmou Ivete.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio