Íris Abravanel revela como ganhou autorização de Silvio Santos para escrever novelas

Ela conta que conversa ocorreu durante um café da tarde

Publicado há 9 meses
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A escritora Íris Abravanel revelou como conseguiu autorização de Silvio Santos, seu marido e dono do SBT, para escrever novelas na emissora. Ela contou que a situação foi simples e ocorreu durante um café da tarde. A autora percebeu que o canal estava sem roteiristas para os folhetins e quis ajudar de alguma maneira e fez a pedido na lata para o empresário.

“Eu cheguei para o meu marido e falei, no café da tarde, eu falei assim ‘olha, não tem ninguém para escrever novela, você quer que eu escreva uma novela?’. Porque eu só escrevi artigos pequenos, para jornal, para a [revista] Contigo e tal. Aí, ele falou ‘boa ideia’. Eu falei ‘ótimo’”, explicou no canal da filha Patrícia Abravanel, no Youtube.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A apresentadora perguntou de onde surgiu a ideia de fazer novela e Íris explicou que foi algo espontâneo, sem pensar muito. “Não sei. Na hora, eu falei. Foi com o coração, foi do coração mesmo. Aí, eu vi que ele estava sem [autor]. Eu queria ajudar de alguma maneira. Eu falei ‘caramba, ele está sem’. Eu queria ajudar, fazer alguma coisa de alguma maneira. E aí saiu! Eu falei ‘quer que eu faça’. Ele falou ‘boa ideia”. Ele falou ‘você sempre escreveu muito bem’”.

Na sequência, ela revelou que Silvio Santos sempre a leu mais do que a escutou nos anos todos de casado e que isso contou a favor na hora de ganhar a autorização.

“Ele é melhor para ler do que para escutar, porque eu falo, entra por aqui e sai por aqui. Então, quando eu escrevo, ele presta atenção. Então, quando a gente brigava, qualquer coisa, eu escrevia carta para ele e ele amava essas cartas. Até os artigos que eu escrevia, ele não perdia um. E mandava muitos recados para ele, também, através dos artigos e ele amava. Então, ele falou ‘você escreve muito bem, eu acho que você pode fazer, sim. Você até consegue’. Foi isso. ‘Vai lá e procura o diretor-geral da teledramaturgia e fala com ele’”, concluiu.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio