Inédita na TV brasileira, série global Assédio é vendida para o Chile

Publicado há 2 anos
Por Felipe Brandão
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Parece que não vai ser a Globo a primeira a exibir a série nacional Assédio, de sua própria produção, na televisão aberta. Segundo informações da jornalista Patrícia Kogut, a atração acaba de ser vendida para o canal Mega, do Chile. Inédita na TV, Assédio gira em torno dos crimes de abuso sexual cometidos pelo médico Roger Abdelmassih contra suas pacientes.

O Mega vem fortalecendo nos últimos anos sua parceria com a Globo na exibição de conteúdos do canal brasileiro. Conteúdos que, até pouco tempo atrás, pertenciam por lá ao canal católico TVN. Atualmente, a emissora de Santiago transmite em seu horário nobre a novela A Força do Querer (Querer Sin Límites), além de uma reprise de Avenida Brasil.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Leia mais: Atriz da série Assédio revela crise de pânico ao ler roteiro: “Medo de andar na rua”

Ainda não se sabe quando a trama de Assédio deverá debutar nas telas do Mega. Novidades, porém, devem surgir a qualquer momento. A obra de Maria Camargo retrata a união das ex-pacientes do ginecologista Roger Sadala (Antonio Calloni) – versão ficcional de Abdelmassih – para denunciar os abusos praticados por ele contra dezenas delas.

Assédio foi integralmente disponibilizada na plataforma de streaming GloboPlay no dia 21 de setembro de 2018. Chegou, aliás, a ter seu episódio piloto veiculado na tela da Globo, dentro do espaço de cinema Tela Quente, em 15 de outubro. Foi uma forma de promover sua veiculação on demand. Sua exibição integral na TV aberta deve acontecer em abril, na faixa das 23h.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais