Igor Cosso relata episódio de homofobia no trabalho: “Fiquei desesperado”

Ator vive Júnior em Salve-se Quem Puder

Publicado há 10 dias
Por Felipe Brandão
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O ator Igor Cosso abriu o coração a respeito dos preconceitos de que foi vítima, no próprio âmbito profissional, pelo fato de ser gay. Em depoimento ao canal TEDx Talks, do YouTube, ele fez um longo desabafo a respeito de tudo o que enfrentou no início da carreira por conta de sua orientação sexual.

Com 19 anos, eu dei o meu primeiro passo e conquistei o meu primeiro papel na TV. Fiquei feliz para caramba, mas, logo nos primeiros dias de gravação, eu todo empolgado, entendi que o que era natural para mim poderia ser fatal para a minha carreira“, recordou o bonitão, que debutou na telinha em Bicicleta e Melancia (2010), série teen do Multishow.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Um jornalista publicou que tinha um ator gay num trabalho que eu fazia – que era eu – e que, se esse ator quisesse crescer, era melhor ele se esconder. Quando as pessoas começaram a compartilhar essa notícia, eu fiquei desesperado“, admitiu Igor.

Uns dias depois de aquela notícia ter saído, eu fui gravar, eu já estava morrendo de medo… Fui entrar no set, um cara da equipe técnica parou, olhou no meu olho e falou para todo mundo escutar, propósito: ‘o viadinho chegou’. E todo mundo em volta começou a rir“, relatou.

Assim que terminou [a gravação do dia], eu fui para casa e desabei. Eu estava acabado. Fiquei com vergonha. Isso aconteceu mais vezes em algum trabalho na minha vida. Às vezes, não comigo, mas com um colega meu“, fez questão de acrescentar o intérprete de 29 anos.

Igor Cosso atualmente está envolvido com as gravações da segunda parte de Salve-se Quem Puder, novela das 19h interrompida pela pandemia, onde interpreta Júnior. Ele assumiu em junho deste ano ser homossexual, ao postar em suas redes sociais uma foto com o namorado, Heron Leal.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais