Há 47 anos no ar, Globo Repórter volta em nova temporada e mostra as transformações do Brasil durante a pandemia

Programa é apresentado por Gloria Maria e Sandra Annenberg

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Viajar, desbravar lugares novos, conhecer pessoas e culturas. A covid-19 ainda impede ou restringe muitas dessas ações, mas a nova temporada do Globo Repórter, que estreia nesta sexta-feira, dia 5, traz o mundo para mais perto.

Há 47 anos no ar, o programa discute as transformações que o Brasil viveu nos últimos meses e mantém sua marca registrada de apresentar belezas naturais, curiosidades, aventura, novidades e pesquisas.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Sob o comando de Gloria Maria e Sandra Annenberg, um respiro de leveza nas noites de sexta-feira, com exemplos e saídas para diminuir angústias e incertezas do momento atual.  

Nosso objetivo é levar de volta sensações que, por causa da pandemia, as pessoas não tiveram nos últimos meses. Conhecer novos lugares, ver novas paisagens, ter contato com a natureza, com culturas diferentes.

A emoção de viver aventuras sem sair de casa. Vamos mostrar também soluções criativas e interessantes que surgiram como forma de enfrentar as dificuldades causadas pela pandemia”, conta Mônica Barbosa, editora-chefe do programa.

Diretor do canal TV Globo, Amauri Soares destaca a relevância do programa após quase cinco décadas: “Esse resultado foi construído ao longo dos anos pelo Jornalismo da TV Globo, que soube, sempre, renovar e inovar. Sem nunca perder a magia do ‘Globo Repórter’, que é apresentar toda sexta-feira um conhecimento novo, uma jornada nova, uma descoberta”.  

As apresentadoras Glória Maria e Sandra Annenberg não escondem a ansiedade por mais um ano de descobertas através das lentes do ‘Globo Repórter’. “A nova temporada vai ser um mergulho na vida. O mundo, gente, sentimentos, emoção. Vamos viajar por lugares deslumbrantes e mostrar a maravilhosa diversidade do ser humano”, diz Glória.

Estamos passando por momentos difíceis, e todos estamos precisando de um respiro. Queremos levar as pessoas a lugares deslumbrantes, já que estamos merecendo muito. Então, preparem-se para embarcar com a gente nessas viagens incríveis, que só Globo Repórter proporciona”, completa Sandra. 

No primeiro programa da temporada, a repórter Fernanda Graell visita o Parque Nacional da Tijuca e o Cristo Redentor, no Rio de Janeiro, que completam 60 e 90 anos em 2021, respectivamente.

Pesquisadores explicam o trabalho de recuperação e preservação na Floresta da Tijuca, um dos locais de fauna e flora mais ricas do país. No Cristo Redentor, a repórter sobe até um dos braços da estátua para mostrar a cidade por um ângulo peculiar.

Foi uma emoção sem tamanho ver os animais nativos de volta ao Parque Nacional da Tijuca, alguns depois de muitos anos. É a vida nascendo e renascendo.

Também tive a oportunidade de viver uma das maiores emoções da minha carreira como repórter, olhar o Rio do alto do Cristo Redentor. Realmente não esperava sentir o que senti”, conta Fernanda.   

O Globo Repórter está de volta na sexta-feira, dia 5, logo após a novela A Força do Querer. A GloboNews exibe o programa no sábado, dia 6, às 21h, e no domingos, dia 7, às 17h.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio