Governo prepara ação de merchandising com canais da TV aberta, mas tira a Globo da lista

Publicado há um ano
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Uma das principais
pautas do presidente Jair Bolsonaro (PSL) e a reforma da previdência. Tentando
acelerar a aprovação das mudanças e ter o ‘aval’ da sociedade, o governo elaborou
um plano que envolve as emissoras de TV.

Segundo o Meio & Mensagem, ações de merchandising sobre o assunto farão parte de atrações dos canais de sinal aberto. A Secretaria Especial de Comunicação Social (Secom) foi a responsável por elaborar a estratégia, que logo será implantada.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os próprios
apresentadores serão responsáveis por explicar como funcionará a mudança. SBT,
Record, Rede TV! e Band terão os merchans em suas atrações. A Globo foi o único
canal da TV aberta de grande alcance que ficou fora.

Regras da política comercial da platinada proíbem que seus comunicadores participem de propagandas relacionadas ao governo. Milton Neves e José Luiz Datena, Luciana Gimenez, Ratinho, Rodrigo Faro, Ana Hickmann e Renata Alves já estão definidos para a prática.

O governo investirá R$ 40 milhões na empreitada. O valor está dentro dos padrões de uma campanha de grande porte. Vale lembrar que Bolsonaro esteve recentemente no Luciana by Night e um dos assuntos foi a reforma da previdência.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais