Globo Repórter mostra como está o Pantanal após queimadas

Em 2020, 26% da vegetação pantaneira foi queimada

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O Globo Repórter de sexta-feira (30) mostra como o Pantanal está se recuperando dos incêndios que atingiram a região em 2020. O público tem a oportunidade de percorrer o bioma após a maior tragédia de sua história, na qual 26% da vegetação pantaneira foi queimada.

“À primeira vista, o Pantanal está verde, parece que renasceu. Mas quando observamos detalhadamente – os observadores confirmam isso – esse incêndio de 2020 provocou uma mudança muito grande no sistema. Só depois de muitas pesquisas será possível avaliar o tamanho e o impacto dessa devastação”, adianta a repórter Cláudia Gaigher, que há 22 anos vai ao Pantanal.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Percebemos uma transformação na paisagem e um impacto muito grande na biodiversidade. Os animais começam a voltar, mas eles não encontram comida. O apoio dos pesquisadores para alimentá-los ainda é fundamental. A dificuldade da natureza de se regenerar sozinha também chama a atenção”, acrescenta.

A atração mostra que as araras continuam reproduzindo, mas estão nascendo mais frágeis agora. Pesquisas indicam que mais de 10 milhões de animais, incluindo serpentes, pequenos mamíferos, roedores, aves e, em menor quantidade, animais de grande porte, morreram nos incêndios ou foram afetados pelas queimadas. 

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio