Globo abre inscrições para a edição de 2020 do The Voice Kids

Publicado há 2 anos
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No dia 6 de janeiro, a TV Globo estreou a quarta temporada do The Voice Kids, reality show musical comandado por André Marques e que tem Simone e Simaria, Carlinhos Brown e Claudia Leitte como jurados.

Leia: Criança ‘viajada’ chama atenção do público do The Voice Kids

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na edição deste domingo (13), o apresentador do formato noticiou que as inscrições para a edição de 2020 do programa estão abertas. Os interessados devem ter de 9 a 14 anos, e também a autorização dos pais.

Saiba mais: Menino escolhe Carlinhos Brown no The Voice Kids, mas lamenta: “Já que minha ídola não tá aqui, Ivetinha”

É necessário preencher um questionário que está disponível no site da atração e também enviar um vídeo com uma apresentação do possível competidor. Se a música for em algum idiota estrangeiro, é importante que também tenha uma parte cantada em português.

The Voice Kids: Participação de influencer digital mirim revolta público

O The Voice Kids estreou no último domingo (6) na TV Globo e deu start ao lançamento de talentos mirins.

No entanto, uma das participantes não é tão desconhecida assim e, segundo o público, pode se beneficiar.

Trata-se de Luisa Ferrari, que é influencer digital, somando milhares de seguidores em suas redes sociais. No Instagram, por exemplo, ela já tem 40 mil fãs.

Assim que a menina se apresentou no palco do reality show, diversos telespectadores resolveram se manifestar contra.

De acordo com eles, a menina pode acabar saindo na frente por conta do apoio de seus seguidores, já que há voto popular nas principais fases do programa.

Um dos argumentos dos reclamantes é que Luisa já tem posses, ou seja, é rica. Sendo assim, não precisaria do prêmio e nem sequer participar do The Voice Kids.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais