Jogos Olímpicos

Galvão Bueno pede desculpa ao vivo durante encerramento da Olimpíada; veja o motivo

Narrador explicou carta enviada por autoridades do Japão

Publicado em 08/08/2021

A cerimônia de encerramento dos Jogos Olímpicos de Tóquio ocorreu neste domingo (8), sendo transmitida pela Globo e pelo SporTV. Na TV aberta, Galvão Bueno foi o responsável por apresentar a atração, cercado por diversos comentaristas do esporte.

No decorrer da transmissão, o famoso narrador revelou que autoridades do Japão, país sede da Olimpíada 2020, enviaram uma carta à emissora. “Eu queria aproveitar esse momento para dizer que a Globo recebeu uma carta do consulado do Japão no Rio de Janeiro e também da embaixada do Japão no Brasil sobre comentários que nós fizemos na cerimônia de abertura envolvendo fatos históricos“, assumiu Galvão, ao vivo.

Explicou os erros

Continuando, Galvão explicou o conteúdo da carta. “Enfatizou o que todos nós sabemos, o compromisso do Japão com a paz, que o país não se furtou em reconhecer erros do passado, mas apontou uma imprecisão nossa em comentários em relação à bandeira do país e à figura do imperador”, disse, se referindo a erros cometidos na abertura dos Jogos Olímpicos, também apresentada por Galvão.

Além de ressaltar as falhas da Globo, o documento oficial agradeceu o canal pelo trabalho durante os jogos. “A carta também elogiou nossa transmissão e nossa cobertura das Olimpíadas. Aproveito então para agradecer os elogios, e nos desculpamos se cometemos alguma imprecisão. O objetivo absolutamente não era esse”, finalizou Galvão Bueno.