Funcionário entra ao vivo e corrige declaração polêmica de Patrícia Abravanel sobre LGBTs

Apresentadora ficou entre os assuntos mais comentados das redes sociais após fala vista como tentativa de defender a homofobia

Publicado em 1/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Um funcionário do SBT, o fotógrafo Gabriel Cardoso, participou do Vem pra Cá desta terça-feira (1º) após a apresentadora Patrícia Abravanel causar polêmica depois de uma fala sobre a comunidade LGBTQIA+, apontada por muitos como uma tentativa de defender o direito de ser homofóbico. 

Ele corrigiu a filha de Silvio Santos após a repercussão negativa imediata da declaração. “No intervalo, a primeira coisa que a gente fez foi conversar sobre o discurso, o debate que teve aqui. A cada ano a sigla vai se atualizando. Talvez a dificuldade do público de casa, do público em geral, é saber o que é cada coisa da sigla, porque a sigla expande”, pontuou o profissional.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Hoje a sigla atual é LGBTQIA+, que envolve lésbicas, gays, bissexuais…”, explicou Gabriel. “Ele me falou que quando eu falei ‘LGBT não sei o que mais’, isso não é legal, porque isso demonstra…”, disse Patrícia Abravanel, reconhecendo seu erro ao minimizar a importância da sigla.

“São termos muito específicos, mas o mais importante é o amor, o mais importante é a gente amar o nosso próximo, respeitar quem ele é, acolher, pois foi isso que Deus nos ensinou, acolher nosso próximo e respeitar. Os demais a gente vai aprendendo, pois o mundo está mudando e aos poucos a gente vai mudando”, acrescentou o fotógrafo.

“E não precisa nos ensinar com agressividade, a gente pode chegar numa boa e falar: ‘não foi legal por isso’. Vamos aprender com amor, com compreensão, sabendo que ninguém quer agredir ninguém, a gente quer aprender e crescer”, insistiu a apresentadora sobre seu discurso anterior.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio