Flordelis detona evangélicos por morte de Paulo Gustavo e cita pastores que morreram de covid

Deputada federal também cobrou eficiência na vacinação

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em vídeo publicado em seu perfil no Instagram, a cantora gospel, pastora e deputada federal Flordelis fez críticas aos evangélicos que têm classificado a morte do ator e humorista Paulo Gustavo como “castigo de Deus” por conta de piadas feitas por ele sobre a bíblia no filme Minha Vida em Marte (2018), bem como por sua orientação sexual. 

“Infelizmente alguns evangélicos que não me representam e não representam a maioria dos evangélicos desta nação foram para a mídia falar que [a morte] foi um castigo de Deus. Não foi! É falta de vacinação na população, precisam vacinar a população”, disparou Flordelis.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“O cantor Lázaro, cantor gospel, evangélico, servo de Deus, vereador, ex-deputado federal, também morreu vítima da covid-19. Quem não se lembra da cantora Fabiana Anastácio? Evangélica, pastora e também morreu vítima da covid. Isso não é castigo de Deus, isso é uma pandemia que está acontecendo no nosso país, está acontecendo no mundo”, acrescentou.

A deputada federal também cobrou mais eficiência na vacinação contra a covid. “Se tem vacina para comprar, vamos lá gente, vamos correr atrás de cobrar a compra dessas vacinas, seja na Rússia, seja na China, seja onde quer que esteja a vacina. O povo precisa, o povo tem direito à vida, que essa seja uma das últimas mortes neste país”, disse.

“As UTIs estão lotadas e cadê as vacinas? Está faltando vacina no nosso país, então estou aqui brigando, falando que você precisa descruzar os braços e cobrar de quem é de direito o direito pela vida”, finalizou Flordelis.

Confira:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio