Finalistas falam sobre a expectativa para a grande final do The Voice Brasil

Publicado há 4 anos
Por Endrigo Annyston
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Dan Costa, Danilo Franco, Afonso Cappelo e Mylena Jardim. Esses são os finalistas da 5ª temporada do ‘The Voice Brasil’, que realizou nesta quinta-feira, 22, sua semifinal, ao vivo. Com shows dos 12 candidatos, o reality contou ainda com a participação de dois ex-participantes: Lucy Alves, finalista da segunda edição, e Renato Vianna, vencedor da última edição, que voltou ao reality show e encerrou a semifinal. Para os quatro finalistas, que irão disputar o título de a nova voz do Brasil na próxima quinta-feira, dia 29, a expectativa é enorme.

Primeiro escolhido da noite por seu técnico Lulu Santos, Dan Costa afirmou que chegar a grande final foi algo que ele não esperava. “Claro que a gente entra querendo competir, mostrar trabalho e ganhar. Mas, sinceramente, jamais imaginei que eu estaria aqui hoje. Quando Lulu me escolheu, passou um filme em minha cabeça. Eu me emocionei muito porque passei por muitas coisas para estar aqui hoje”, disse. O estilo sertanejo romântico fez com que o catarinense conquistasse Lulu Santos. Autodidata, ele aprendeu sozinho a tocar violão, teclado e bateria e já tem mais de 100 músicas autorais. “O ‘The Voice’ representa tudo para minha carreira. Todos os momentos que vivi e as coisas que aprendi ficarão para sempre comigo. Ter a oportunidade de mostrar o meu trabalho em rede nacional é a maior porta que eu poderia ter. E é também o começo de uma longa carreira, eu espero. Estou muito feliz”, finalizou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O segundo finalista da noite foi Danilo Franco, que conquistou sua técnica Claudia Leitte com seu talento e seu jeito doce. Pela segunda vez no reality, ele não desperdiçou a nova chance depois de cantar “Gostava Tanto de Você”, sucesso de Tim Maia. “A final não era algo que eu pensava que poderia acontecer, porque aqui tem muita gente incrível. A final era um sonho, mas um sonho distante. Então, a possibilidade de estar entre os principais cantores é sensacional. Estou muito feliz e tudo que vier agora é bônus. Na semana que vem eu saio daqui de duas maneiras: feliz ou muito feliz”, se divertiu. O baiano, que trabalha como veterinário patologista, faz shows com sua banda, mas ainda não vive exclusivamente de música. Tímido, não tinha coragem de cantar e só enfrentou o microfone aos oito anos, quando teve que substituir a irmã, que ficou doente, em uma apresentação da igreja. Agora, finalista do reality, se diz realizado. “O programa sempre respeitou o estilo de música de cada um. Eu cheguei aqui e falei que cantar black music me fazia feliz. Foi o que aconteceu e sou muito grato a isso. O ‘The Voice’ foi a oportunidade que eu precisava para entender que música é tudo para mim. Eu tenho outra profissão que sou apaixonado, que me completa e me faz muito feliz também. Mas a música foi um dom que Deus me deu . Sempre foi a ferramenta que eu utilizei para me comunicar com as pessoas. O ‘The Voice Brasil’ foi a chance que eu precisava para entender que música é realmente tudo o que eu quero fazer para minha vida”, finalizou emocionado.

Afonso Cappelo, finalista do time Brown, é só expectativa para a grande final. “A minha participação nas ‘Audições às Cegas’ é, para mim, o meu melhor momento dentro do programa. Foi maravilhoso e algo inesquecível na minha vida”, diz animado. Natural de Belém, do Pará, o cantor de 17 anos logo integrou o time de Carlinhos Brown com seu estilo que prioriza Blues e Soul Music. Autodidata, o cantor pisou em um palco pela primeira vez aos 15 anos, em um concurso de canto em sua cidade natal. Músico antenado, Afonso toca gaita, violino, violão, cavaquinho e ukelele. “Comecei a tocar gaita aos 12 anos e não parei mais. Toco o suficiente para fazer minha música”, explica, antes de complementar. “Tudo mudou depois que subi neste palco. Antes, eu era só Afonso. Agora sou Afonso Capelo, do ‘The Voice Brasil’. Não tinha ideia do tamanho da repercussão que isso teria na minha vida. Isso aqui é apenas o início, mas é o melhor começo que alguém poderia ter”.

Represente feminina no time de finalistas da 5ª temporada do reality musical, Mylena Jardim foi ovacionada pela plateia após sua apresentação. Escolhida por Michel Teló para disputar a grande final, a cantora de apenas 17 anos não esconde a expectativa para o show ao vivo, na próxima quinta-feira. “Eu amo cantar e ter a oportunidade de fazer isso no palco do programa, olhando para quatro ídolos sentados na minha frente, é algo indescritível. Quando ouvi Tiago falar meu nome acho que saí do meu corpo” disse, aos risos. A mineira, que fez os quatro técnicos do programa virarem a cadeira durante as ‘Audições às Cegas’, é apaixonada por música e já conta com um repertório de cerca de 200 músicas de autoria própria. A jovem canta desde os cinco anos e começou a encarar a música como fonte de renda há menos de um ano. Hoje, ela enxerga na profissão e na possibilidade de seguir carreira como uma forma de ajudar ainda mais a família. “Estar no programa é realmente muito engrandecedor para qualquer artista. Para mim, que ainda sou nova e estou apenas começando, é algo que vou levar para o resto da minha vida. O que aprendi aqui, com os técnicos, com os produtores, com a direção e com todos os candidatos foi a melhor escola que eu poderia ter tido. Estar na final é a cereja do bolo para uma experiência linda”, conclui a jovem.

O público poderá conhecer, na próxima quinta-feira, dia 29, o grande vencedor da quinta edição do ‘The Voice Brasil’. A final da competição será ao vivo, em uma casa de shows na Barra da Tijuca, Zona Oeste do Rio de Janeiro. Além de cantarem sozinhos em busca da vitória, o show terá apresentações especiais dos técnicos Claudia Leitte, Lulu Santos, Michel Teló e Carlinhos Brown. O resultado será decidido pelo público e a votação para a escolha do campeão já está aberta.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio