Fátima Bernardes revela peculiaridade sobre a transição para o entretenimento da Globo

A apresentadora participou do Altas Horas deste sábado (12) ao lado de Túlio Gadelha

Publicado em 13/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Convidada do Altas Horas deste sábado (12), em edição especial do Dia dos Namorados, Fátima Bernardes revelou uma peculiaridade que contribuiu muito para que sua adaptação no entretenimento fosse mais fácil. A apresentadora do Encontro, que permaneceu por 25 anos no jornalismo, afirmou a Serginho Groisman que a inserção de música em seu programa foi um fator determinante para uma transição mais natural.

Foi uma adaptação. O programa vai fazer 9 anos agora no dia 25 de junho. Então, no início era muito natural que com uma experiência de 25 anos de jornalismo eu viesse muito com este peso. E eu fui relaxando com a chegada da musica no Encontro. Era uma coisa que eu queria desde o inicio.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Eu acho que a manhã combina muito bem com música. Eu quando estou em casa de manhã gosto muito de ouvir música e acho que as pessoas em casa de manhã estão atarefadas. Achei que ia ser legal ter música.

Quando a música chega e eu começo a dar as minhas sacudidinhas lá, juntar a dança que era algo muito orgânico, muita natural, ai eu acho que fui fazendo essa migração de uma forma mais natural“, contou ela, que participou do programa ao lado, é claro, de Túlio Gadelha, com quem vive um relacionamento estável desde 2017.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio