Ex-bbb Hadson comemora eliminação de Marcela e nega rótulo de machista

Hadson disse que não é um machista e afirmou que médica usou a causa para se promover

Publicado há 9 meses
Por Surenã Dias
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Terceiro eliminado do BBB20, o ex-bbb Hadson Nery comemorou a eliminação de Marcela do reality global na noite desta terça-feira (7). O ex-jogador chegou a soltar fogos de artifícios.

Através de seu perfil do Instagram, Hadson fez um desabafo sobre a médica e voltou a afirmar que não é um homem machista. Além disso, o ex-atleta chamou Marcela de oportunista por levantar a bandeira do feminismo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Marcela sai hoje e sou muito grato ao povo brasileiro, que fez com que eu entendesse que eu não sou machista. Errei, sim, assumo. Vou procurar entender melhor a causa e evoluir, mas com pessoas que realmente veem a causa como algo sério, não como oportunismo e tentativa de se beneficiar pra punir o próximo. Injustiça aqui se faz, aqui se paga. Obrigado, Brasil”, desabafou Hadson.

Após o textão, o ex-brother publicou um vídeo soltando fogos. “Festa na favela. Sabemos que não existem fadas”, disse ele, se referindo ao texto de eliminação de Tiago Leifert.

Um dos personagens mais polêmicos desta temporada, logo no início do jogo Hadson se envolveu em uma briga com Marcela e Gizelly, ao expor um plano para desestabilizar o relacionamento de sisters comprometidas.

Fora da casa o caso foi visto por muitos internautas como algo machista, chegando a gerar campanhas pedindo a saída dos homens envolvidos no plano. A situação causou uma briga interna no programa, dividindo grupos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio