Mais do que você gosta.
Assine o Star+
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

“Eu tenho certeza que hoje daria problema”, diz Dedé Santana sobre humor de Os Trapalhões

Publicado em 16/03/2018
Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Um dos mais clássicos e venerados humoristas do Brasil, o ator Dedé Santana foi o convidado do talk show The Noite, apresentado por Danilo Gentili no SBT, na noite desta quinta-feira (15).

Entre vários assuntos, Dedé falou sobre sua nova peça que está sendo lançada nos teatros e relembrou histórias do programa Os Trapalhões, produzido entre os anos 70 e 90 pela Globo e que fez muito sucesso no Brasil.

Continua depois da publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Veja mais: Âncora do SBT Brasil desde 2011, Rachel Sheherazade renova seu contrato com o SBT

Dedé relembrou, por exemplo, o tempo em que dirigiu um dos vários filmes do grupo nos Estados Unidos, sem falar uma palavra de inglês: “Eu dirigi um filme dos Trapalhões sem falar inglês. Foi uma coisa maluca, porque eu não sabia falar nada de inglês. Pode uma coisa dessas?”

Perguntado por Gentili qual era o seu filme favorito, ele falou de A Filha dos Trapalhões, produzido em 1984 e que levou, na época, mais de 4 milhões de pessoas aos cinemas brasileiros. Dedé disse que gosta do estilo de roteiro do longa.

“A minha menina dos olhos é o filme A Filha dos Trapalhões, porque eu mostro a vida no circo, o natal no circo, a realidade do circo. Para mim, isso é a melhor coisa que poderia fazer”, afirmou.

Dedé também comentou como conheceu Renato Aragão, o Didi, seu maior parceiro em cena. Eles foram apresentados por Arnaud Rodrigues, roteirista e humorista falecido em 2010.

“Quem me apresentou o Renato Aragão foi o Arnaud Rodrigues, que escreveu para o Chico Anysio. Ele me disse que o Renato precisava de alguém para ficar com ele. Eu cheguei pra ele e falei: ‘Prazer, Dedé’. E ele: ‘Prazer, Didi’. Ele já era Didi no Ceará, ele já era conhecido assim”, contou.

Dedé também disse que, assim que leu o roteiro dos Trapalhões, sabia que Didi e o grupo seriam um sucesso. Pra exemplificar isso, ele recordou o tempo em que Os Trapalhões tiveram uma temporada em Portugal, algo que fez tanto sucesso que é exibido até hoje.

“O Didi escrevia e eles adaptavam algumas coisas. O programa era líder de audiência absoluto naquela época. Outro dia, um locutor da Globo me mandou uma mensagem mostrando que até hoje passa Os Trapalhões em Portugal”, comentou muito feliz Didi.

Por fim, Dedé comentou sobre uma polêmica que sempre vem à tona: o humor dos Trapalhões seria aceito hoje em dia. Segundo ele, o politicamente correto acabaria com a atração.

“Hoje iria dar problema. Os Trapalhões faziam aquilo sem maldade. Eu mesmo falo isso, com orgulho: fiz humor de circo na televisão. Hoje mesmo não se faz nem em circo. Já fiquei sabendo de palhaço que foi chamado na delegacia pelo que falou. Eu tenho certeza que hoje daria problema”, concluiu.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio

Deixe o seu comentário

Em Alta

Carregando...

Erro ao carregar conteúdo.

Publicidade
Não foi possível carregar anúncio
Publicidade
Posting....