“Eu não tinha maturidade para viver as emoções daquela personagem”, revela Claudia Abreu sobre novela Barriga de Aluguel

Publicado há 2 anos
Por João Paulo Reis
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Claudia Abreu participou do programa Altas Horas exibido no último sábado (30). A atriz revelou a Serginho Groisman que a novela Barriga de Aluguel, da qual foi protagonista em 1990, a inspirou a ser mãe.  Ao rever cenas do folhetim de Gloria Perez, ela disse ainda que iniciou a trama muito jovem, e não conseguia sentir as emoções da personagem.

“Eu lembro que era uma novela em que eu não tinha maturidade para viver as emoções daquela personagem. Uma mulher que tinha alugado a barriga. Eu tinha 19 anos na época. Foi uma experiência incrível, não só por ser concentrada em duas mulheres.”, iniciou ela.  Claudia reviu uma cena da trama, em que sua personagem tinha um embate com a personagem de Cássia Kis.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Leia também: Mariana Rios posa de roupão branco e exibe saboneteira de luxo

“Tinha muito volume de trabalho, e com muita intensidade dramática. E eu digo que Barriga de Aluguel inspirou tanto a maternidade em mim que eu tive quatro filhos. E a Cássis Kis teve quatro filhos também. A gente se apaixonou pela maternidade”. Claudia Abreu é mãe de Maria, de 17 anos, Felipa, 11, José Joaquim, 7 e Pedro Henrique, de 6 anos.

Barriga de Aluguel contava a história de Ana (Cássia Kis), que após diversas tentativas de engravidar do marido Zeca (Victor Fasano), recebe a notícia que não conseguirá ter um filho. Ela é então aconselhada pelo médico Álvaro (Adriano Reys) a contratar uma mulher que possa ceder seu corpo para gerar o filho. Ana então contrata Clara (Claudia Abreu), uma pobre moça que trabalha em dois empregos para ajudar sua família. A trama foi reexibida pelo Canal Viva em 2011.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais