Estreias marcam primeira edição do Como Será? em 2018

Publicado há 3 anos
Por João Paulo Reis
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O Como Será? abre o novo ano com estreias. O programa deste sábado, dia 6, exibe o primeiro episódio da série ‘Portugal pelos Brasileiros’, que conta histórias de gente que deixou o Brasil e está se dando bem na ‘terrinha’. Caso do Eduardo Ice Drinks, que vive em Sintra com a família. Ele e a mulher levaram um sucesso do verão carioca para Portugal: o sacolé. Eduardo fala dos desafios enfrentados como imigrante e empreendedor, da necessidade de reinvenção ao mudar para outro país e de questões práticas como o visto e custo de vida. Com cinco episódios, ‘Portugal pelos Brasileiros’ tem narração de Alexandre Henderson.

Leia também: Claudia Leitte cospe durante música e sorri com bolo no dente no Mais Você

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na outra novidade da semana, os expedicionários Iara e Eduardo Xavier voltam a visitar projetos pelo Brasil na segunda temporada da série ‘Caçadores de Bons Exemplos’. Há sete anos o casal deu início à empreitada, que tem como principal objetivo mapear boas iniciativas e torná-las conhecidas, formando uma rede de solidariedade. De lá para cá já foram 1.556 projetos, 903 cidades e 406 mil quilômetros percorridos. A primeira parada desta nova temporada é a Escola Maria Teixeira, criada na periferia de Luziânia, em Goiás, para receber adolescentes, pessoas com deficiência, adultos e idosos.

Em ‘Pequenas Grandes Criaturas’, Renato Cunha apresenta o Japanese Papa Fish, um peixe de apenas 12 cm que cria obras de arte de 2m com tramas superdelicadas e geometricamente precisas. Seu objetivo é apenas um: atrair as fêmeas da sua espécie.

Acompanhado de uma nutricionista e uma calculadora, o repórter Rogério Coutinho desmistifica uma ideia muito comum entre os brasileiros: comer de forma saudável é caro. A reportagem mostra o dia a dia da família de Bibiana Chaise, gerente de uma pizzaria com uma renda média de R$ 3.500 mensal e orçamento apertado para o supermercado. Todos na casa estão acima do peso e precisam de orientação para emagrecer. A nutricionista ajuda a família com as compras no mercado, o preparo dos alimentos e dicas sobre alimentação saudável.

 

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio