Espelho da Vida: Isabel decide aproximar Américo de Cris

Publicado há 2 anos
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Espelho da Vida, na Globo, Isabel (Alinne Morais) tem se dedicado a entender o relacionamento de Cris (Vitória Strada) e Alain (João Vicente de Castro). Assim, a vilã saberá por onde começar a minar o amor dos pombinhos e, então, recuperar o galã. Nos próximos capítulos, ela conversará com Américo (Felipe Camargo), o pai complicado da protagonista. Confira.

“Com licença… posso sentar com o senhor?”, perguntará Isabel. “Claro… por favor… é um prazer! Estava aqui justamente admirando a beleza das moças desta cidade”, responderá Américo. “O senhor é… o seu Américo, da Pensão Gentil?”, questionará a vilã. “Américo… por favor, me chame de Américo, de você. Qual é a sua graça?”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Margot decide ajudar Cris a enfrentar medo, em Espelho da Vida, na Globo

“Isabel… sou muito amiga da Lenita, filha da dona Gentil”. “Ah, claro, as duas são pessoas do mais alto gabarito. Posso lhe oferecer uma bebida?”. “Um suco, por favor. De abacaxi com hortelã. Impressionante como você se parece com a Cris… a Cristina. O mesmo jeito de olhar…”.

Isabel diz que gosta de Cris, mas faz ponderação

“Conhece a Cristina? Então, já sabe que sou pai dela?”. “A Lenita me contou sua história… Não foi indiscrição, Américo… ela se abriu comigo, com a melhor das intenções. Somos como irmãs”. “Estou vivendo um drama pessoal… não consigo me aproximar de minha filha, ela não acredita que estou mudado, que minha única intenção é ser perdoado pelos erros do passado. Ela não quer me ouvir”.

“Gosto muito da Cris… mas nesse caso ela está sendo infantil e egoísta… não é mais nenhuma criança”. “A mãe dela e o padrasto são culpados. Criaram uma imagem péssima de mim. Mas ela agora é uma adulta, queria que me ouvisse e tirasse suas próprias conclusões”, argumentará.

“Quem sabe se conversasse com o noivo dela, o Alain?”, sugerirá a megera. “Já tentei… mas ele não vai com a minha cara. Estou ficando velho, não tenho mais ninguém neste mundo… É pedir demais um pai sonhar com um futuro tranquilo ao lado de sua única filha?”. “Claro que não!… todos merecem uma segunda chance. Eu sinto que está falando de coração. Você e a Cris merecem esse reencontro. Se eu puder ajudar…”.

“Finalmente alguém acredita nas minhas boas intenções!”. “Às boas intenções!… ao amor das famílias!”, dirá Isabel, erguendo o copo com o suco. “À moradora mais bondosa de Rosa Branca!”, concluirá Américo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio