Escritora, novelista e professora, Renata Pallottini morre aos 90 anos

A novelista teve passagens pela Band, Globo, TV Cultura e Tupi

Publicado em 8/7/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Na manhã desta quinta-feira (8), morreu às 6h30 a poeta, dramaturga, romancista e ensaísta Renata Pallottini aos 90 anos de idade. Ela estava internada no Hospital Santa Catarina, em São Paulo, lutando contra um mieloma.

As informações são do portal Terra, que ainda contou que o velório aconteceu nesta tarde, das 13h às 15h. Renata se formou em Direito e Filosofia nos anos 50, mas anos depois se aproximou do teatro e fez um curso de artes cênicas na Escola de Arte Dramática da Universidade de São Paulo (EAD/USP).

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em 1964, ela iniciou a carreira de docente, tradutora e estudiosa de teatro e televisão. Entre seus vários trabalhos, a profissional escreveu e produziu vários trabalhos para o teatro e televisão. Entre eles podemos citar a Vila Sésamo, um dos grandes sucessos de sua carreira, Malu Mulher e Joana.

Na televisão, Renata trabalhou em novelas e especiais para a Bandeirantes, TV Globo, Cultura e Tupi. Em 2017, ela recebeu o Troféu Juca Pato, da União Brasileira dos Escritores pelo conjunto de sua carreira e especificamente por seu livro de poemas, Poesia Não Vende, publicado pela Hucitec Editora.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio