Júlio morre na frente dos filhos e gera comoção

Publicado há um ano
Por João Paulo Reis
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A emoção vai falar mais alto nos próximos capítulos de Éramos Seis. Isso, porque Júlio (Antonio Calloni) irá morrer deixando toda a sua família desolada. Tudo começa quando o homem passa a descuidar-se da própria saúde no pós-operatório depois da retirada de uma úlcera. Ele evita seguir a dieta recomendada e o repouso necessário.

A situação se agrava quando ele fica sabendo que Emília
(Susana Vieira) pode lhe emprestar um dinheiro para abrir seu próprio negócio.
Eufórico para tirar o pé da lama, ele mesmo com dor, resolve sair e procurar um
ponto comercial, e até conversar com Assad (Werner Schünemann) para dizer que
será seu sócio.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Com isso, ele começa a tossir sangue, mas esconde de
todos, e acaba sendo internado após finalmente conseguir com a tia rica da
esposa uma quantia para começar o negócio. Internado e bastante debilitado, ele
recebe uma transfusão de sangue de Alfredo (Nicolas Prattes), filho com quem
sempre viveu às turras.

Lola (Gloria Pires) e os filhos no hospital com Júlio (Antonio Calloni) em Éramos Seis

Júlio chega a abrir os olhos e ver o filho deitado a
seu lado no hospital, numa mistura de ternura e alívio por ter certeza que
entre os dois existe amor. O homem então adormece e começa a sonhar. No sonho
ele está com Lola, feliz, tem sua própria loja, é próspero financeiramente, e
comemora isso.

“Se você não sonhasse junto comigo, eu não teria chegado até aqui. Onde estão as crianças? Precisam ver isso!”, diz ele no sonho para Lola, que o lembra que os filhos já não são mais crianças. “No meu coração continuam os meninos de sempre. Carlos a nossa paz, Julinho um sonhador, Isabel o meu tesouro e Alfredo aquele azougue!”.

Quando os filhos aparecem ainda no sonho a observá-lo, ele diz feliz ao dançar valsa com Lola: “O pai de vocês chegou lá, meus filhos! Agora terei meu próprio negócio. Vamos quitar nossa casa, ter uma vida boa, farta e feliz. Como merecemos! E agora… o céu é o limite!”

No hospital, todos os filhos, acompanhados de Lola observam o sono sereno do pai, que até esboça um sorriso enquanto dorme. Aos poucos, o sorriso se desfaz e a mão que repousava sobre o peito, cai para o lado de seu corpo. Todos percebem o que aconteceu, mas realmente sem acreditar. Carlos (Danilo Mesquita) corre para medir-lhe o pulso, e constata: “Mãe… O pai se foi…”, diz.

Lola engole o ar e mantém-se catatônica, Isabel
(Giullia Buscacio) entra em desespero e é contida por Julinho (André Luiz
Frambach), Carlos sofre, e Alfredo leva as mãos à cabeça também sentindo uma
dor de jamais imaginou sentir. Toda a família ali se abraça, e Clotilde (Simone
Spoladore), ao observar pela porta do quarto se choca ao perceber o que se
passa.

As cenas estão previstas para irem ao ar no capítulo 54, que será exibido no dia 2 de dezembro.

Mais Informações, curiosidades, sinopse, personagens e o resumo diário e atualizado dos capítulos da novela Éramos Seis

Confira o resumo dos capítulos das outras novelas da TV Globo, SBT, Record TV e Band

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais