Empresa não renova contrato e Globo perde patrocínio da novela das seis para 2020

Publicado há 10 meses
Por Gabriel Vaquer
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Johnson & Johnson, uma das maiores empresas de utensílios pessoais do Brasil, não renovou o contrato de patrocínio especial para a novela das seis da Globo. Durante todo o ano de 2019, a empresa sempre “oferecia” a novela do horário. Atualmente no ar, Éramos Seis não teve tal oferecimento nesta terça-feira (1).

Tal cota estava garantida até 31 de dezembro de 2019, e até o momento, nenhuma empresa decidiu comprá-la. O valor é na casa de R$ 10 milhões para o horário hoje ocupado pela história escrita por Ângela Chaves, a partir da obra literária de Maria José Dupré, além de versão anterior de Silvio de Abreu e Rubens Ewald Filho. No horário das sete, a empresa Sadia continua anunciando como marca que oferece a novela exibida – no caso, Bom Sucesso, de Rosane Svartman e Paulo Halm.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Quem também perdeu o patrocínio foi o horário das 21 horas, que atualmente exibe Amor de Mãe. A empresa de cosméticos Avon, que patrocinava o horário em 2019, passou a não mais oferecer a trama de Manuela Dias.

Apesar de tudo, não é o caso de alardear problemas ou causar pânico em relação ao Comercial da Globo

Vale ressaltar que a Globo tem mudado muita coisa em sua linha comercial nos últimos tempos. A emissora carioca está conversando diretamente com empresas para criar formas de merchandising que possam conversar com o público diretamente, inclusive dentro de atrações.

Outra grande mudança foi a autorização para que os profissionais do Esporte da Globo façam comerciais. Galvão Bueno, por exemplo, passou a fazer comerciais de empresas que anunciam nos jogos e transmissões dos mais variados esportes. Outro ponto são as sessões de filmes patrocinadas. Em 2019, surgiu o Festival Rexona de Cinema, por exemplo. No início de 2020, a emissora tentou uma nova sessão patrocinada durante as férias do futebol brasileiro. No entanto, a Globo fracassou na venda e a tradicional Temperatura Máxima exibirá dois filmes seguidos até o dia 19 de janeiro de 2020.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais