Em texto autoral, Marcelo de Carvalho presta homenagem a Jorge Adib 

Publicado há 2 anos
Por João Paulo Reis
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O vice-presidente da RedeTV! Marcelo de Carvalho prestou uma homenagem a Jorge Adib. O ex-diretor da TV Globo, que faleceu no último domingo (22) vítima de um câncer. No depoimento, publicado no portal da RedeTV!, o empresário relembra o aprendizado e a importância de seu ex-chefe e amigo em sua trajetória na televisão.

Leia também: Marcelo de Carvalho aparece em ‘selfie praiana’ com a nova namorada

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Jorge Adib,

Eu gostaria de fazer uma homenagem a meu ex-chefe Jorge Adib, morto ontem no Rio de Janeiro.

Em primeiro lugar, quero corrigir todos os sites da Globo que lhe atribuem o cargo de “ex-diretor de merchandising”, coisa que nunca foi. Na realidade ele era sócio do Dr. Roberto Marinho em uma empresa que criou, chamada Apoio de Comunicação, que, esta sim, planejava, criava e executava projetos de merchandising na programação da Globo. 

Eu tive o privilégio de trabalhar nessa empresa, nos anos 80. Na Globo de Boni, de Roberto Marinho e de Jorge Adib, como gerente de merchandising. Tive o privilégio de beber do conhecimento e do charme desse chefe que lidava magistralmente com os maiores egos existentes: artistas, escritores, diretores das novelas e os executivos da Globo.

E mais

Aprendi em meus anos de TV Globo lições que até hoje utilizo. E mais, com orgulho me lembro de uma Globo que era movida por seu brilho. Ao contrário da de hoje, reduzida a 34% de audiência média mas que vampiriza 90% do dinheiro do mercado apenas devido a prática corrupta do BV, rebate que mantém as agências de publicidade meros apêndices da emissora.

Na época de Jorge Adib, de Boni, de Roberto Marinho, o que valia era a excelência. Excelência e competitividade e um time que só tinha Pelés, Neymares e CR7s.

Jorge Adib, meu chefe e mentor, agora está com certeza dando lições no Céu e deve ter fila para ouvir.

Marcelo de Carvalho”.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio