Em Santa Catarina, o último episódio da série SOS SUS aborda transplantes no Como Será?

Publicado em 20/09/2017

Referência em transplantes no país, o estado de Santa Cataria é o destino do último episódio da série ‘SOS SUS’, do ‘Como Séra?’, no ar neste sábado, dia 23. De acordo com o Ministério da Saúde, o Brasil firma seu posto como referência mundial de transplantes de órgãos por meio do sistema público, sendo 87% dos procedimentos realizados por meio de recursos públicos e com assistência integral do SUS ao paciente transplantado. Em números absolutos, o país se mantém como o segundo maior transplantador do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos. Nesse contexto, Santa Catarina tem o melhor índice de transplante por habitante do Brasil e a reportagem acompanha, neste último episódio, uma equipe médica e pacientes, para mostrar o funcionamento do procedimento desde a doação até a fase pós-transplante.

No quadro ‘Posso Ajudar?’, a apresentadora Sandra Annenberg conhece a história de Myrian. Após os 30 anos, ela ganhou mais de 20 quilos e quer melhorar a alimentação e iniciar uma rotina de exercício para emagrecer. No estúdio, a personal trainer Mariana e o nutricionista César Henrique conversam sobre a transformação na rotina de Myrian em busca de alcançar esse objetivo. As experiências vividas na terceira idade estão no quadro ‘Hoje é dia de… passar dos 60’. Junto com a paulista de Jacareí, Alexandre Henderson encara a rotina de atleta de tênis de mesa com a Marlene Takahashi, que já competiu em 23 países e compartilha essa paixão em jogo e também como técnica. Já a Neuza de Carvalho, dona de um blog, descreve a rotina como professora da Universidade Aberta à Terceira Idade. Da Bahia para São Paulo, o repórter também experimenta os drinques de Chiquinho, barman há 45 anos e premiado pelas suas bebidas.

Fãs dos grupos de rock dos anos 60, na época seis amigos montaram uma banda de garagem para tocar nas festas de escola. Agora, 50 anos depois, o grupo se reúne novamente para tocar e reviver os melhores momentos da juventude.