Ellen DeGeneres volta a se desculpar após demissão de produtores

A apresentadora fez uma vídeo conferência com a equipe

Publicado há 3 meses
Por Henrique Carlos
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

As polêmicas relacionadas ao programa Ellen DeGeneres Show não param de surgir e elas estão cada vez mais complicadas, afinal, muita gente está envolvida nas acusações. Agora, Ed Glavin, Kevin Leman e Jonathan Norman deixaram a atração.

As demissões aconteceram após acusações de insensibilidade racial, má conduta sexual e outros abusos contra funcionários. De acordo com informações da revista People, a apresentadora fez uma vídeo conferência com sua equipe na última segunda-feira (17).

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A princípio, Ellen DeGeneres falou sobre as demissões que aconteceram e aproveitou para fazer um novo pedido de desculpas.

“Eu sou uma pessoa multifacetada, e eu tento ser a melhor pessoa que eu posso ser e eu tento aprender com meus erros. Tenho ouvido que algumas pessoas sentiram que eu não era gentil com elas, ou que era muito impaciente. Eu peço desculpas para cada um que eu tenha ferido os sentimentos de alguma maneira”, disse Ellen.

A revista Variety ainda revelou que com as três demissões, a equipe de produtores principais do programa passa a ser formada por Mary Connelly, Andy Lassner, Derek Westervelt e a própria Ellen. Uma investigação interna foi aberta após reportagens do site “Buzzfeed” e da “Variety”, com relatos de empregados do programa dizendo que foram alvos de comentários racistas por parte da chefia da atração.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais