Durante prova do Domingo Legal, participante tem mal súbito e é socorrido

Publicado há 2 anos
Por João Paulo Reis
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Comandado por Celso Portiolli, o Domingo Legal deste domingo (10) voltou à grade do SBT ao vivo. Um dos quadros de maior sucesso da atração, o Comprar É Bom, Levar é Melhor também contou uma história curiosa. Uma família de Limeira, interior de São Paulo, composta por quatro irmãos foi escolhida para participar da atração.

No quadro, que é uma parceria com uma loja de departamento, os competidores têm 30 minutos para pegarem o que conseguirem da loja, e em seguida respondem a uma série de perguntas e respostas. O número de acertos é o que determina se eles vão conseguir levar as mercadorias que pegaram.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Leia também: Público reclama de enrolação em retorno do Domingo Legal ao vivo

Porém,
Lucas, o irmão mais novo da tal da família participante começou a se sentir mal
no meio da competição. Acompanhado pelas câmeras do programa, ele se deitou no
chão da loja sem ar, e relatou estar com tonturas. Ele foi atendido pelos
médicos do local, e o relógio da prova continuava em contagem regressiva.

“Meu
maior medo era decepcionar meus irmãos que esperavam tanto pelo prêmio máximo
de 50 mil”, disse ele após o atendimento. Os irmãos dele então pararam tudo, e
somente ao ver que ele estava bem, resolveram coloca-lo dentro de um dos
carrinhos do mercado para juntos pegarem mais produtos. A família conseguiu
levar para a casa cerca de R$ 39 mil em produtos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio