Dublê que sofreu acidente em trama da Globo entra com processo e alega passar dificuldades

Publicado há 2 anos
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Emanoel Soares Silvares, responsável por ser o dublê de Ricardo Pereira em Deus Salve o Rei (2018), sofreu um acidente durante o segundo dia de gravações do folhetim da TV Globo, no dia 5 de junho do ano passado.

Segundo o Notícias da TV, o profissional está internado há dez meses. Emanoel caiu do cavalo e rompeu o ligamento do cotovelo direito, o que fez com que os movimentos do braço ficassem limitados.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Soares acusa a Globo
e a agência de casting Stelar Produções Artísticas de descaso. Ele afirmou que consultas,
exames e sessões de fisioterapia foram pagas pelo seguro de acidente de
trabalho, mas que passou dificuldades por não poder trabalhar, já que não tem
dinheiro para comer e pagar aluguel.

Após um tratamento de
oito meses, o profissional descobriu que precisaria passar por uma cirurgia e
disse que não teve resposta ao fazer o pedido, o que o fez entrar com um
processo contra a platinada e a Stelar.

Procurada pelo
portal, a assessoria da emissora disse que “não recebeu documento ou
intimação” de Silvares. Já a empresa, afirmou que o rapaz “não ficou
desamparado, foi assistido”.

“Desde o laudo médico solicitando a cirurgia, em fevereiro, os envolvidos não mais se pronunciaram. Estou sem poder trabalhar. Estou passando necessidades. Agora, tenho que esperar o juiz dar o parecer. Não tenho como comprar os remédios, estou há oito dias sem dormir, sinto dores e ninguém se importa com isso”, retrucou Emanoel.

Vale lembrar que em fevereiro, um figurante morreu durante gravações de O Sétimo Guardião. Um ator chegou a alegar que a emissora não prestou assistência ao profissional.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio