Dominó humano feito por Caldeirão do Huck faz senhor parar no hospital

Publicado há um ano
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

No último sábado (17), o Caldeirão do Huck levou ao ar um quadro que era a tentativa de quebrar o recorde do maior ‘dominó humano’ do mundo. O problema é que as gravações terminaram de uma forma que não era prevista.

De acordo com Leo Dias, um senhor que fez parte da gincana sentiu dores no joelho. Isso foi logo após ele ser atingido por uma das pessoas que seguravam um colchão durante a brincadeira. Em resposta ao colunista, a Comunicação da Globo explicou a situação.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Enquanto participava da gravação, um dos participantes sentiu dores no joelho e avisou à produção ao final da dinâmica, relatando também que já tinha problemas nesta articulação”, afirmaram.

“Após receber os primeiros atendimentos dos bombeiros e equipe médica que acompanhavam a gravação, ainda no local, foi levado para o hospital para avaliação e recebeu alta no mesmo dia”, concluíram. Contudo, no fim, o programa superou o recorde, que era da China desde 2016.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais