Domingo Show recebe ex-integrante do Raça Negra, Edson Café, que luta para se livrar do vício em drogas

Publicado há 4 anos
Por Endrigo Annyston
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O Domingo Show do dia 30 mostra como está hoje Edson Café, um dos ex-integrantes do grupo de pagode Raça Negra, sucesso na década de 1990. O músico de 61 anos está em tratamento em uma clínica de reabilitação para se livrar das drogas. “Eu quero progresso, quero caminhar pra frente, não quero dar um passo pra trás”, afirma. Ele, que estava morando nas ruas por causa do vício, passará por uma transformação no visual e terá a oportunidade de reencontrar fãs, amigos e a família no palco do dominical, ao vivo. “Eu inconscientemente queria morrer naquela época (em que estava nas ruas), eu estava chutando o balde. O que viesse era lucro”, conta

O programa também apresenta uma reportagem feita por Geraldo Luis com Helen, uma garota de 11 anos que sonha em encontrar a irmã mais velha, que foi criada por uma outra família. Outro desejo da menina, que tem uma bela voz, é conhecer a cantora gospel Bruna Karla. Como será que a jovem vai reagir quando perceber que sua inspiração está na escola em que estuda?

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Outra atração no palco do Domingo Show é Jorge Rodrigues Gomes Neto, de 37 anos, conhecido como o Homem-Cérebro. O motivo? Ele, que mora no Rio de Janeiro, tem habilidade de ler palavras ao contrário e ainda descobrir o dia da semana em que as pessoas nasceram. É impressionante!

E no quadro Eu Sobrevivi, Andressa Urach conta a história de uma motoqueira que se envolveu em um grave acidente.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio