Documentário sobre Gabigol traz importantes polêmicas sobre conduta em meio à pandemia e legalização dos cassinos no Brasil

Episódio envolvendo atleta na quarentena será incorporado a um dos programas que compõem a série

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O Globoplay produziu uma série documental sobre a carreira do atacante do Flamengo Gabriel Barbosa, o Gabigol. Intitulada de Predestinado, a obra aborda a vida do atleta do início da carreira no futebol até a atualidade, quando ele se tornou um dos grandes artilheiros atuando na elite do futebol brasileiro.

A série foi dividida em quatro episódios, e o último foi lançado no domingo (21), quando um fato recente na vida do futebolista foi incluso. Este fato foi a polêmica apreensão do jogador em um cassino clandestino em São Paulo em meio ao agravamento da crise sanitária.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Documentário

Na série documental serão colocados alguns cortes da entrevista que o jogador deu ao Fantástico após ser pego no estabelecimento irregular. Na conversa que Gabigol teve com o repórter do programa, ele falou que havia ido até o local para jantar com alguns amigos, já que aquele era seu último dia de férias. Mas ele aproveitou a entrevista para se desculpar, e afirmou que errou ao não ter sensibilidade com o atual momento.

“Eu errei como várias pessoas erram. Faltou sensibilidade da minha parte. Peço desculpas porque eu errei, sim. Peço desculpas à torcida do Flamengo, às crianças que gostam de mim, à população de São Paulo. Fica o aprendizado“, disse Gabigol.

O futebolista, além de estar presente em um estabelecimento ilegal, acabou desrespeitando o decreto do Governo de São Paulo que proíbe aglomerações e festas. Porém, ele fala que não infringiu nenhuma regra, e que tomou os cuidados necessários, como usar máscara de proteção e álcool em gel. E assim que percebeu que havia muitas pessoas no lugar, resolveu ir embora, mas foi surpreendido pela operação da Polícia Civil.

Para não seguir o exemplo, você não precisa se arriscar indo até estabelecimentos clandestinos para ter algumas horas de diversão, plataformas como os cassinos online seguros são confiáveis e oferecem toda a experiência e desafio dos jogos de mesa em primeira mão, na tela do seu celular ou computador.

O episódio do documentário que será exibido neste domingo já estava pronto, porém, passará por algumas edições para inserir o caso polêmico. Predestinado foi gravado ainda em 2020 e lançado no dia 1º de março de 2021, logo após o final do Campeonato Brasileiro, quando o Flamengo sagrou-se campeão mais uma vez.

A primeira parte da produção mostra a origem humilde do atleta em São Bernardo, e como seus pais se esforçaram para garantir que o filho realizasse seu sonho, até a chegada do garoto às divisões de base do Santos e sua formação como atleta e ascensão à fama. Já o capítulo dois mostra a intimidade do jogador: exibindo detalhes da sua casa e o que ele gosta de fazer em seu tempo livre.

Ademais, detalha o que precedeu sua decisão de ir jogar na Europa, onde defendeu times como a Inter de Milão (Itália) e o Benfica (Portugal). O penúltimo episódio mostra os bastidores da conquista da Libertadores da América de 2019, com fatos inéditos revelados pelo atacante e alguns de seus companheiros, além do ex-técnico do Flamengo, Jorge Jesus.

Apreensão reacende discussão sobre legalização

Assim que foi noticiado que o jogador havia sido detido por estar presente em um cassino clandestino, a regulamentação dos jogos de azar voltou a ser pauta de discussão.

Os estabelecimentos de jogatina são proibidos de funcionar em território nacional desde 1946, quando o presidente em atividade, Eurico Gaspar Dutra, sob influência da primeira-dama, Carmela Dutra, aboliu a prática. Mas com isso, mais de 40 mil empregos diretos foram perdidos na época, além de uma redução gritante do turismo e arrecadação de impostos.

Então, a partir da década de 1990, o Congresso Nacional passou a discutir a possível retomada dos jogos de azar no Brasil, e alguns projetos de lei já tramitam na Câmara dos Deputados e outros no Senado. Mas nenhum foi à frente – enquanto isso, os brasileiros recorrem às plataformas online internacionais e que podem atuar no País.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio