Deus Salve o Rei: Afonso diz que não vai devolver terras de Catarina

Publicado há 3 anos
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Deus Salve o Rei, na Globo, Afonso (Romulo Estrela) tomou uma decisão polêmica para proteger Montemor. Ele, simplesmente, não vai devolver as terras de Artena a Catarina (Bruna Marquezine), que planeja se casar com Otávio (Alexandre Borges), o maior inimigo do rei de Montemor. Com isso, ele espera impedir que o reino da vilã, aliado à Lastrilha, desencadeie uma guerra no futuro. Confira.

“Creio que agora vossa majestade já possa dizer de uma vez o que veio fazer aqui”, dirá Afonso a Otávio. “Viemos tão somente lhe cobrar uma promessa, Afonso… que você coroe Catarina rainha de Artena e devolva a ela suas terras”, afirmará. “Ainda não é o momento para isso”, pontuará Afonso. “Como não?! Eu exijo ser coroada!”, dirá Catarina em tom de indignação.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Veja também: Catarina propõe a Virgílio aliança, em Deus Salve o Rei, na Globo

“Você não está em condição de exigir nada”, rebaterá Amália. “Lamento, Catarina, mas isso não vai acontecer”, avisará Afonso. “Você deu sua palavra, Afonso! Disse que não reconhece a conquista de Artena por Montemor”. “E continuo não reconhecendo!”, rebaterá. “Então o que o impede de declarar a independência de Artena?”, perguntará Otávio.

“O rei Augusto!”, afirmará Amália provocando tensão no ambiente. “Ele ainda está desaparecido! E ele é o rei de Artena”, dirá Afonso. “Ninguém mais do que eu quer ver meu pai vivo e bem, mas a cada dia que passa eu… sinto que isso não vai acontecer”, rebaterá Catarina. “Você enviou um pedido de ajuda a todos os monarcas da Cália e ninguém tem ideia de onde o rei Augusto possa estar”, complementará Otávio.

“Mas eu e Afonso ainda não perdemos as esperanças… ao contrário de Catarina”, dirá Amália. “Não se trata de ter ou não esperanças! Augusto está desaparecido há muito tempo! Ele já deve estar morto”, falará Otávio. “Se ele está morto, deveria haver um corpo”, insistirá Afonso. “O meu reino não pode ficar parado, em ruínas, esperando eternamente que meu pai apareça!”. “Lamento, mas enquanto não tivermos uma resposta oficial sobre o paradeiro de Augusto, não posso coroá-la”.

“Você não tem o direito e me prejudicar!”, dirá Catarina. “Não leve pro lado pessoal, Catarina!”. “Quem está levando pro lado pessoal é você!”, rebaterá. “Afonso está sendo imparcial!”, defenderá Amália. “Só há um jeito de resolvermos esse impasse: levando a questão para o Conselho da Cália!”, concluirá Otávio.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio