Derrota de Carminha marca a reta final de Avenida Brasil

As cenas da vilã sendo desmascarada começam nesta quinta-feira (16).

Publicado há 9 meses
Por Henrique Carlos
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nos capítulos finais de Avenida Brasil, Carminha (Adriana Esteves) conseguiu virar o jogo contra Nina (Débora Falabella), mas agora é Max (Marcello Novaes) sua maior pedra no caminho.

Após descobrir que a amante tentou matá-lo, o malandro surge na mansão e desmascara Carminha para toda a família de Tufão (Murilo Benicio), entregando as fotos íntimas dos dois. Expulsa da mansão, a vilã vai até a igreja e pressiona o padre para abrigá-la, ameaçando contar o que sabe sobre suas falcatruas para o bispo.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Muricy (Eliane Giardini), que sempre foi sua aliada, aparece enfurecida na igreja e exige que o padre a expulse de lá. Depois, arrasta Carminha para fora e as duas iniciam o maior “barraco”, atraindo uma aglomeração de curiosos em volta delas.

Na cena icônica, a vilã diz que quer distância deles, dizendo a frase que marcou a personagem: “porque pobreza pega”. Quando pensa que já está no fundo do poço, Carminha é sequestrada por Max, que a leva para o lixão e a faz de refém com Lucinda (Vera Holtz) e Nilo (José de Abreu). Nina decide ir até o lixão depois de saber que Max está lá e também acaba como refém ao lado de sua grande inimiga.

‘Avenida Brasil’ é uma obra de João Emanuel Carneiro, com direção de núcleo de Ricardo Waddington e direção-geral de Amora Mautner e José Luiz Villamarim.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio