Demissão, racismo, ameaça de morte: mesmo bem-sucedida, Poliana foi problemática para o SBT

Esticamento da história culminou na queda de qualidade e cansaço do público

Publicado há 4 meses
Por Cadu Safner
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Convertida numa das novelas mais longevas da história da TV brasileira, com 564 capítulos, sendo o último deles programado para ir ao ar na noite da próxima segunda (13), As Aventuras de Poliana já é, de longe, a produção mais problemática e rechaçada da história recente do SBT.

Quem acompanha noticiário de entretenimento sabe que provavelmente nunca antes uma produção de dramaturgia da emissora de Silvio Santos causou tanto assunto negativo na mídia especializada.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Troca de atrizes que culminou em ameaças de morte por fãs malucos, demissão sob acusação de racismo, assédio moral, sexualização de atriz mirim, esticamentos e polêmico romance nos bastidores. Esses foram apenas alguns dos registros públicos que fizeram desta uma das novelas mais mal faladas do SBT. Vamos relembrar?

A troca de atrizes

Milena Toscano foi substituída por Thaís Melchior em As Aventuras de Poliana no SBT (Reprodução: SBT)

Milena Toscano engravidou nas primeiras semanas de gravação da novela e o SBT optou por manter sua personagem, Tia Luísa, na história. Thaís Melchior entrou no lugar de Milena no capítulo de 25 de setembro de 2018. Ela precisou desativar seus perfis nas redes sociais para se proteger dos ataques.

Ameaças de morte

Luísa (Thaís Melchior) em As Aventuras de Poliana

Em 2018, antes mesmo da troca de Milena Toscano por Thaís Melchior, como intérprete de Tia Luísa, Melchior precisou acionar seus advogados para tomarem possíveis medidas judiciais contra fãs da novela que a ameaçam de morte através da internet.

Thaís Melchior enfrentou a ira dos fãs, com xingamentos que se intensificaram cada vez mais logo após vazarem as primeiras imagens da atriz no set de gravação. Que horror!

Beijo de ex-casal

Luca (João Guilherme) e Mirela (Larissa Manoela) em As Aventuras de Poliana (Reprodução/SBT).

Ex-casal da vida real, Larissa Manoela e João Guilherme perceberam que entraram numa fria ao descobrirem que seus respectivos personagens dariam um primeiro beijo e passariam a namorar. Na época, uma insatisfação de Larissa Manoela em dividir cena com o ex virou assunto na mídia e gerou expectativas entre fãs dos artista.

Larissa Manoela e João Guilherme em cena de Poliana (Reprodução: SBT)

O sucesso do primeiro beijo garantiu alta audiência para a novela e fez com que Íris Abravanel e sua equipe fortalecessem a relação entre o casal posteriormente –independente de qual era o entrosamento entre os atores.

Após um segundo beijo entre os personagens, Mirela e Luca Tube viveram um namoro ioiô dos mais conturbados, que depois se tornou um triângulo amoroso com a chegada de Vini (Vincenzo Ritchy).

Larissa Manoela e João Guilherme durante participação no Programa Silvio Santos (Reprodução: SBT)

Na mídia e nas redes sociais, a atribulada vida amorosa de Larissa Manoela era constantemente comparada à de sua personagem.

Demissão, racismo e assédio moral

Ciro (Nando Cunha) em As Aventuras de Poliana (Reprodução)

Outro ocorrido que desencadeou uma sequência de polêmicas foi a demissão de Nando Cunha. Acusado de ser um ator-problema, Nando viu seu personagem, o caminhoneiro Ciro, ter um final repentino e um tanto quanto violento, ao ser vítima da queda de um telhado em sua cabeça durante um temporal.

Para Nando Cunha, a insatisfação com este trabalho foi enorme. Em entrevista ele disse que os roteiros criados pela mulher de Silvio Santos fazem alusão à mentalidade do presidente Jair Bolsonaro, com conceitos conservadores.

Ciro (Nando Cunha), de As Aventuras de Poliana (Reprodução)

Além de detonar os textos da novela, o ator de 52 anos também detonou o tratamento que recebeu durante as gravações. Ele alegou que foi vítima de racismo e assédio por parte de uma produtora de elenco, cujo nome não quis revelar.

Sexualidade

Raquel (Isabella Moreira) em As Aventuras de Poliana (Foto: Zé Paulo Cardeal/SBT)

A atriz Isabella Moreira, de 20 anos, interprete da inconsequente Raquel, de 16, se viu pressionada por seguidores a falar sobre a sua sexualidade. Inconformada com as afirmações sobre ser lésbica, ela usou seu perfil no Twitter para fazer um desabafo polêmico.

As pessoas não têm o menor cuidado, sabe? Tipo, se eu nunca falei sobre [minha sexualidade], talvez seja porque eu não me sinto confortável. Ou porque eu realmente não seja? Ou porque o espaço que eu ocupo agora não permite esse tipo de abertura?”, disse ela, em uma das sequências de posts compartilhados.

Namoro escondido

Sophia Valverde e Lucas Burgatti como Poliana e Eric em As Aventuras de Poliana (Divulgação / SBT)

A atriz mirim Sophia Valverde, de 13 anos, foi terminantemente proibida pela Direção do SBT de assumir publicamente seu namoro com o também ator e colega de elenco, Lucas Burgatti, na época com 17 anos, intérprete do personagem Éric.

Mas a aproximação dos astros mirins já não passava despercebida aos olhos dos fãs. Tanto a atriz quanto a mãe dela, Danielle Valverde, receberam ordem para não tocar no assunto a fim de não atrapalhar a imagem de Poliana na novela, como uma menina inocente e doce.

Separação + novo casal

Murilo Cezar ao lado de Lisandra Cortez (Divulgação – SBT – Reprodução – Instagram)

Lisandra Cortez, a vilã Débora, iniciou um romance com Murilo Cézar, o protagonista Marcelo, nos bastidores da novela. O namoro foi assumido publicamente durante o Rock In Rio 2019. Até aí, tudo bem! Mas Lisandra e Marcelo tiveram que dividir espaço nos bastidores com o ator Pedro Lemos, ex dela.

Lisandra e Pedro namoraram por alguns anos após trabalharem juntos e formarem casal em Chiquititas (2013). O fim do namoro foi tranquilo, mas para os fãs, como era de se esperar, não foi. O público de cada ator se dividiu e durante um bom tempo criticaram a separação de Cortez e Lemos e a união dela com Murilo.

Falta de castigo para vilã

Filipa humilha Poliana na frente dos amigos (Reprodução: SBT)

Muito se questionou sobre o porquê da personagem Filipa, interpretada pela atriz Bela Fernandes, 14 anos, nunca ser castigada por suas maldades na história de Íris Abravanel. “As crianças pintam e bordam e não dá em nada”, comentou-se ao longo da novela.

Inspirada na vilã Carminha de Avenida Brasil (2012), a atriz classifica Filipa como uma personagem cruel e sinônimo de mau exemplo para as crianças. “Deveria sofrer bastante e pedir desculpas”, contou a atriz ao Observatório da TV quando perguntada sobre o assunto.

Na internet o público manifestou, e muito, a revolta da personagem e justificando a falta de imposição dos pais. “Que preguiça desses pais, as crianças faltam matar eles e só recebem uma bronca”, reclamavam. No final, Filipa não aprendeu mesmo, foi vilã do primeiro aos últimos momentos da trama.

Esticamentos

Dalton Vigh como Pendleton em As Aventuras de Poliana (Reprodução / SBT)

Inicialmente programada para encerrar seu ciclo em meados de 2021, tornando-se uma das produções mais longevas da história do SBT, em outubro de 2019 As Aventuras de Poliana ganhou o seu primeiro esticamento.

Silvio Santos decidiu não apenas adiar sua próxima novela, Patinho Feio, como também encomendou uma segunda temporada de Poliana. Com a segunda temporada, se não fosse o coronavírus, a novela ficaria no ar durante mais 12 meses, completando três anos de exibição contínua, ou quase 800 capítulos.

E veio mais esticamento! após anunciar o fim da primeira fase para 6 de julho, o SBT decidiu esticar um pouco mais a novela, que terminaria no dia 10, uma sexta. Mas a emissora optou por reeditar os capítulos e adiou novamente, desta vez e de forma definitiva, para segunda, dia 13, arredondando 564 capítulos. Ufa!

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais