Delegacia do Rio vai investigar suposto caso de assédio de Petrix no BBB20

Publicado há 8 meses
Por Surenã Dias
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM), de Jacarépagua, no Rio de Janeiro, abriu investigação para apurar o suposto caso de assédio de Pretrix Barbosa no Big Brother Brasil 20.

“De acordo com a Delegacia Especial de Atendimento à Mulher (DEAM) Jacarepaguá, diante dos fatos veiculados na mídia foi aberto procedimento para apurar os fatos”, disse a nota divulgada pelo jornal Extra.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A atitude da DEAM-RJ acontece logo após o ginasta voltar a ser acusado de assediar mulheres do BBB durante as festas do programa. Na noite da última quarta ele foi criticado por esfregar suas partes íntimas em Flayslane.

O caso foi tão discutido nas redes sociais, que a produção do programa deu uma advertência no Brother, informando sobre os limites que ele anda ultrapassando durante o programa.

“Hoje ele [Pétrix] foi chamado ao confessionário e foi advertido. O Big Brother espera que essa advertência tenha efeito para que a gente preserve a boa convivência na casa”, disse Tiago no programa desta quinta-feira (30).

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais