De volta à TV, Angélica quase deixou a Globo há 20 anos; relembre

Seu último infantil, Bambuluá, estreou há exatos 20 anos e teve problemas

Publicado há 22 dias
Por André Santana
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Simples Assim, novo programa de Angélica na Globo, estreia neste sábado (10). Curiosamente, a atração começa exatos 20 anos depois da estreia do último programa infantil da apresentadora. Bambuluá estreou em 9 de outubro de 2000 e quase causou a saída de Angélica da emissora.

Bambuluá estreou num contexto de crise nas manhãs da Globo. O programa infantil anterior de Angélica, Angel Mix, havia passado por inúmeras reformulações para tentar conter o crescimento de seus concorrentes, o Bom Dia & Cia, do SBT, e o Eliana & Alegria, da Record TV. Sem sucesso, a direção da Globo decretou o fim do Angel Mix e apostou suas fichas no Bambuluá.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A ideia do novo infantil era tentar barrar os desenhos da concorrência com muito conteúdo nacional. A “novelinha” era costurada pelas atrações da TV Globinho, composta por desenhos animados e quadros com bonecos e atores. Angélica era a protagonista, mas dividia a cena com vários atores mirins e muitos quadros diferentes.

Angélica e algumas das crianças de Bambuluá (Divulgação/TV Globo)

Mas o programa enfrentou baixa audiência, e Angélica já não se identificava mais com o público-alvo. Mais madura, a apresentadora parecia não combinar mais com a programação infantil da Globo. Ao longo do ano de 2001, enquanto ainda gravava Bambuluá, Angélica passou a lutar nos bastidores da emissora por um programa para jovens. Ela desejava deixar o infantil.

Dois projetos foram criados para a loira, por Boninho e Jayme Monjardim. Mas nenhum deles foi adiante. Com Bambuluá na corda bamba, o futuro de Angélica na Globo era incerto, já que seu contrato com o canal estava prestes a ser encerrado. No segundo semestre de 2001, não eram poucas as notinhas no jornal dando conta da insatisfação de Angélica e de sua iminente saída do canal. Chegaram a noticiar que a Band tentou contratá-la, oferecendo o tal programa para jovens que ela desejava.

Virada

Angélica apresentava o Vídeo Game (Divulgação/ TV Globo)

Mas a Globo ainda tinha interesse em Angélica. A emissora ofereceu a ela o comando do Vídeo Show, já que Miguel Falabella desejava deixar a atração. Ofereceu também a oportunidade de atuar em novelas, já que sua participação em Um Anjo Caiu do Céu, também em 2001, foi muito elogiada. Mas ela estava insegura.

O cenário só mudou quando ofereceram a ela o comando do Vídeo Game, quadro do Vídeo Show que estava sendo projetado há algum tempo, mas ainda não tinha apresentador. Familiarizada com games e auditório, Angélica aceitou a empreitada, que estreou em dezembro de 2001, há poucas semanas do fim definitivo de Bambuluá. Deu certo, e a apresentadora permaneceu na emissora. O Vídeo Game ficou 10 anos no ar.

Neste meio tempo, a loira também comandou o talent show Fama, entre 2002 e 2004, e o talk show Estrelas, de 2006 a 2018.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais