Cozinheira detona Fátima Bernardes e William Bonner: “Dois mal-agradecidos”

A senhora afirma ter evitado que filho do casal se queimasse na cozinha

Publicado há um mês
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nesta sexta-feira (5), Léa Silva, mulher que se identifica como cozinheira que trabalhou na casa de Fátima Bernardes e William Bonner na época que eles eram casados, usou o Instagram para compartilhar um vídeo no qual detona os famosos.

A senhora assistiu a entrevista que a apresentadora do Encontro fez com a empregada doméstica que deixou o filho com a patroa e o menino acabou morrendo, e resolveu criticar a emoção de Bernardes. “Vi ela chorando, fazendo caras e bocas”, disparou a mulher.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Será que ela lembra que eu, que era cozinheira dela, salvei o filho [Vinícius Bonemer] dela de ser queimado? Acho que ela não lembra. A menina doméstica é igual a mim. Eu podia ter deixado o garoto se queimar todo. E pelo contrário, só recebi desaforo do marido dela”, afirmou Léa.

“Na época, falei para colocar uma portinhola na cozinha e outra na área de serviço. Ele se viu ofendido por isso. Achou que eu chamei o filho dele de cachorro porque pedi para colocar uma portinhola na porta da cozinha. Tinham um monte de babás, mas nenhuma deu conta de olhar a criança”, falou.

“Poderia ter deixado o filho da patroa se ferrar. Eu atravessei na frente da panela para o Vinícius não se queimar. Os dois mal-agradecidos, não esqueço nunca disso. Invés de me agradecer, simplesmente cagaram para o que eu falei”, analisou Silva.

“Eu vendo o Vinícius agora já um homem, adulto, fico olhando para a cara dele e falo ‘nossa, tá bonito, podia estar todo queimado’. Uma pena que seus pais não deram valor para o que eu fiz. Não esqueci disso nunca. Aí vi você [Fátima] chorando ali e me lembrei disso. Soou um pouco falso seu choro na matéria”, concluiu Léa. O Notícias da TV tentou entrar em contato com os famosos, mas não obtiveram resposta.

Assista:

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais