Conheça Carla, mãe linha dura interpretada por Mariana Santos em Malhação – Toda Forma de Amar

Publicado há 2 anos
Por João Paulo Reis
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Malhação
– Toda Forma de Amar
, Carla (Mariana Santos) cria sozinha os filhos
Thiago (Danilo Maia) e Raíssa (Dora de Assis) desde que o marido morreu durante
um assalto. É carinhosa e amiga, e, ao mesmo tempo, muito “linha-dura” e
mandona. Com medo excessivo da violência que assola o Rio de Janeiro – e ainda
sob o trauma da tragédia que afetou sua família – ela controla cada passo dos
jovens e também suas escolhas de vida.

Tem em
Thiago seu braço-direito na lanchonete Baixadas, ‘point’ da galera em Duque de
Caxias, onde moram. O rapaz é trabalhador e alegre, mas se incomoda com a falta
de espaço para expor suas vontades e opiniões por conta da personalidade forte
de Carla.     

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Raíssa, a
mais nova, sente ainda mais o controle da mãe. Excelente aluna do Ensino Médio,
ela estuda com afinco para um dia se formar em Direito e prestar concurso para
juíza, como desejava seu pai, e Carla não abre mão dessa expectativa. A questão
é que Raíssa tem talento para a música: compõe, canta e toca violão muito bem.
Amiga do rapper Camelo (Ronald Sotto), ela começa a se apresentar em eventos de
rap e funk sem o conhecimento da mãe, que mal permite que a filha saia à noite.

Carla
também não gosta da amizade de Raíssa com Nanda (Gabriella Mustafá), que adora
curtir a vida e não leva os estudos a sério. A comerciante percebe que tem algo
errado no comportamento da jovem, mesmo sem muitos indícios, e tenta alertar
Raíssa. Nanda sente inveja da amiga e compete com ela nas apresentações de
funk, mas não tem a mesma voz nem carisma.

A chegada de Rita

De coração grande, Carla acolhe Rita (Alanis Guillen) em sua casa, quando ela chega em Caxias para procurar pela filha. A comerciante é amiga da família da jovem, que acaba de descobrir que seu pai, recém-falecido, sequestrou a bebê, que ela acreditava ter morrido logo após o parto, e levou para um hospital público no Rio de Janeiro.

Amparada
pela família de Carla, Rita sai em busca de pistas sobre a localização da filha
e descobre que ela está sendo criada na Zona Sul carioca pelo casal Lígia
(Paloma Duarte) e Joaquim (Joaquim Lopes). Thiago e Raíssa logo se tornam
grandes amigos da moça.

E é numa
saída dos três juntos que eles entram em uma van e testemunham um crime que vai
unir suas trajetórias à de outros três jovens: Jaqueline (Gabz), Anjinha
(Caroline Dallarosa) e Guga (Pedro Alves). Por conta da relação entre eles,
Carla conhece o pai de Anjinha, Marco Rodrigo (Julio Machado), viúvo como ela.

A
comerciante tem uma relação sem compromisso com o lutador de muay thai
Madureira (Henri Castelli) e vai desenvolver uma implicância mútua com Marco
Rodrigo, que tem tudo para acabar em paixão.
      

“Carla é
uma mulher forte, dinâmica, intensa. Ela se excede nos cuidados com os filhos e
chega a ser paranoica, tem um grau maior de preocupação que a maioria das mães.
Minha inspiração para interpretá-la vem da minha mãe, que é muito preocupada.
Até hoje ela me pergunta coisas do tipo, ‘você comeu bem’? Não sou mãe, mas
acho que essa preocupação não acaba nunca”, declara Mariana Santos.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais