Como Será? promove debate sobre prevenção entre jovens

Publicado há 4 anos
Por Endrigo Annyston
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A sexualidade é o segundo tema de ‘Adolescentes’, nova série do ‘Como Será?’, no ar este sábado, dia 11. A repórter Marianne Salerno mostra o trabalho realizado pelo projeto Vale Sonhar em escolas municipais de São Paulo. De forma lúdica, a iniciativa estimula a prevenção entre os jovens. A série também conta com o depoimento da escritora Valéria Polizzi, autora do livro ‘Depois daquela viagem’, em que conta a experiência de ter contraído HIV aos 16 anos.

No estúdio, Sandra Annenberg recebe uma família onde o diálogo é aberto com os filhos adolescentes, com conversas sobre DST, métodos de prevenção e sobre sexualidade de forma geral. A sexóloga Maria Helena Vilela, responsável pelo projeto Vale Sonhar, participa do debate.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A atual situação das prisões brasileiras é o tema da entrevista de estúdio. De acordo com o Ministério da Justiça, o Brasil tem 622 mil presos, sendo a quarta maior população carcerária do mundo. No estúdio, Sandra conversa com Samira Bueno, diretora-executiva do Fórum Brasileiro de Segurança Pública, sobre qual deveria ser o real papel do sistema carcerário do país e como ele chegou à crise atual. A especialista fala, ainda, sobre direitos dos presos, penas alternativas e ressocialização, além de responder perguntas dos espectadores.

Reportagem de Rogério Coutinho mostra que o hábito de levar marmita para o trabalho vem ganhando espaço em tempos de crise. Pesquisa do Data Popular aponta que, em 2015, cresceu 26% o número de brasileiros que levam comida de casa para o almoço. O repórter conversa com profissionais que adotaram recentemente o costume para saber quais são as vantagens e os desafios de preparar comida diariamente. Uma nutricionista vai dar dicas para aqueles que desejam investir nas marmitas, apontando os melhores alimentos para a preparação dos pratos, o que pode ser congelado e o que não pode etc. O próprio Rogério mostra como se organiza para cozinhar a sua marmita.

O Ceará é o destino do próximo #PartiuFérias, no ar dia 11. A primeira parada é no centro da tapioqueiras, a caminho da praia do Morro Branco. O espaço reúne 26 barracas que fazem essa delícia típica do Nordeste nos mais variados sabores. Chegando a Morro Branco, há muito o que se ver além da bela praia. Para os passeios mais curtos, a recomendação é caminhar, botar o pé na areia mesmo. Para os deslocamentos maiores, há os passeios de buggy. A bordo dele é possível visitar o mirante e o ‘Labirinto das falésias’, numa área de preservação ambiental. A região compreende grandes paredões de areia de tons variados, passando pelo vermelho, amarelo e branco. Aliás, essas areias são usadas na silicografia, a técnica de desenhar com areia, artesanato que exporta a areia de Morro Branco para o mundo.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais