Comemorando 25 anos de SBT, Celso Portiolli encerra Domingo Legal emocionado: “Até os 50, se Deus quiser”

Atração relembrou momentos marcantes da trajetória do apresentador

Publicado em 13/6/2021
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Celso Portiolli recebeu uma bela homenagem na edição do Domingo Legal levado ao ar na tarde de hoje, dia 13, por seus 25 anos de SBT. No registro com mais de 1 hora de duração, o apresentador voltou no tempo e relembrou odos os programas que apresentou na emissora de Silvio Santos.

Detalhes minuciosos de cada momento de Portiolli foram revividos pelo público. Do Passa ou Repassa ao Sabadão, passando, é claro, por atrações como Tempo de Alegria, Fantasia, Xaveco, Curtindo Uma Viagem, Código Fama, Sessão Premiada até chegar ao Domingo Legal.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Os musicais, as atrações internacionais, os micos do apresentador no palco e as fortes emoções na frente do vídeo também foram mostradas numa linha do tempo de tirar o fôlego. Ao final, Celso Portiolli, que acompanhou a homenagem sentado no palco, se despediu com muitos agradecemos. O jornalista esportivo Milton Neves, da Band, narrou alguns minutos da homenagem que encerrou a edição especial do programa.

Quero agradecer ao meu vizinho Milton Neves – obrigado por ter narrado este texto final que com certeza foi escrito com muito carinho por você, né Paulo [funcionário do SBT]? Obrigado, Paulão. Você é o mago das palavras, das letras, das frases.

Agradecer a minha mãe, ela apareceu pouco, mas a minha mãe foi sempre uma incentivadora. Quero também mandar um beijo pra minha família que sempre esteve comigo. Minha esposa também, que sempre esteve comigo desde o comecinho.

Agradecer o pessoal que está aqui em volta também, o [Rubens] Gagalaca [diretor] e a toda a equipe. Em nome do Gagalaca obrigado a todo mundo ai que sempre me incentiva e me acompanha […] São pessoas muito especiais. Quero aproveitar este minuto final e agradecer ao Fabinho [funcionário do SBT] que fez este trabalho todo.

O pessoal do arquivo também. Foi muito legal assistir. Passou um filme a minha cabeça, eu fiquei o tempo todo assistindo aqui no palco com essa galera que fez parte, obrigado mesmo. Mas quero agradecer você ai de casa.

Se você ai de casa não tivesse ligado a televisão, não tivesse me feito companhia nos programas, a minha carreira poderia ter acabado. Então, a você que sempre em acompanha e sempre me dá aquele votinho de confiança e bota seu filho para assistir, a sua avó, sua mãe, muito obrigado.

Por todo mundo que me acompanha e torce por mim desde as pegadinhas. Foi uma luta muito grande, mas eu acho que tem muita coisa apela frente. Então, obrigado de coração e ate a próxima homenagem dos 50, se Deus quiser.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio