Com baixo recurso Primeiro Impacto é impedido de ganhar mais tempo no ar

Publicado há 2 anos
Por Cadu Safner
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O Primeiro Impacto, apresentado por Marcão do Povo e Dudu Camargo está na linha vermelha do SBT. O jornal estava programado para ganhar mais duas horas e meia no ar. Porém, executivos da emissora convenceram Silvio Santos da impossibilidade dessa ideia ir para frente.

Veja também: Bomba: Maisa Silva recebe convite de produtor da Televisa para atuar em LIKE

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

De acordo com informações do site Notícias da TV (aqui), para a direção da emissora, o aumento de duração do jornal representaria um rombo nos cofres do canal. Gastos com equipamentos e profissionais é o principal problema. Tudo isso, além de interferir na produtividade das afiliadas. Elas ficariam reféns de um trabalho exaustivo para abastecer o telejornal matinal do SBT.

Dudu Camargo e Marcão do Povo apresentando o Primeiro Impacto no SBT (Divulgação)

Ainda de acordo com o Notícias da TV, um dos diretores de jornalismo do canal afirma sobre impossibilidade da ideia de ampliar o jornal dar certo. “O Primeiro Impacto certamente lideraria depois das 10h, contra o Hoje em Dia e o Bem Estar. Ele se tornou um produto bastante competitivo, mesmo com todas as limitações. Mas não há a menor chance de ampliar um programa que não se paga e que não tem equipe, não temos orçamento para isso”.

O Primeiro Impacto segue sem qualquer equipe exclusiva de reportagens. A maioria dos seus profissionais também são utilizados nos demais jornais da casa. Além de sobreviver de matérias requentadas à exaustão de outros jornais e vídeos da internet. O jornal de Marcão e Dudu, apesar da boa audiência, não tem faturamento.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio