Com 16 participantes, Canta Comigo inicia semifinal nesta quarta-feira

Publicado há um ano
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A Record exibe, nesta quarta-feira (20), a primeira parte da semifinal do programa de talento Canta Comigo. Essa etapa será dividida em dois programas. Três candidatos voltaram à disputa na repescagem que aconteceu na semana passada: enquanto Lukaz Kim levantou os 100 jurados e garantiu vaga na final, Anna Barros e MC Mayarah ficaram entre as mais votadas da noite e asseguraram um lugar na semifinal.

No total, 16 candidatos se classificaram para a semifinal. Oito deles se
apresentam esta semana e os demais no episódio de 27 de novembro. A grande
final, comandada por Gugu Liberato, acontecerá em 4 de dezembro.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Nesta primeira etapa da semifinal, os oitos participantes sobem ao palco para cantar sucessos de Bon Jovi, George Michael, Sandra de Sá, Roberto Carlos, Cazuza e outros grandes nomes da música nacional e internacional.

Ainda sobre a dinâmica do programa

O objetivo é impressionar os 100 jurados que compõem um dos maiores painéis já vistos na TV mundial. Se qualquer um deles gostar pode se levantar e cantar junto com o competidor. Quanto maior o número de jurados em pé, mais pontos o competidor consegue. Um jurado em pé equivale a um ponto somado. O ápice da atração é quando todos os 100 jurados formam uma só voz, em um coro emocionante. Por outro lado, podem representar o pior pesadelo de um cantor: uma plateia em completo silêncio.

Formato internacional

Canta Comigo é a versão nacional de All
Together Now, 
formato original da Endemol Shine Group, com direção de
Marcelo Amiky e direção de núcleo de realities de Rodrigo Carelli. A temporada
brasileira é gravada nos Estúdios Vera Cruz, em São Bernardo do Campo, e
produzida pela Endemol Shine Brasil. Inovador, o formato, que estreou
mundialmente na BBC One, no Reino Unido, já foi vendido para outros países como
Austrália, Alemanha, França, Dinamarca e Polônia. 

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais