Clarissa Pinheiro comenta reviravolta na história de Penha: “Imbuída de ódio e vingança”

Publicado há 7 meses
Por Guilherme Rodrigues
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Em Amor de Mãe, trama das 21h de Manuela Dias, Clarissa Pinheiro vive Penha, mulher que perdeu o emprego e também o marido, Wesley (Dan Ferreira), que foi assassinado numa emboscada feita por Belizário (Tuca Andrada).

Revoltada, a empregada resolveu seduzir o policial corrupto e acabará se tornando criminosa ao lado do vilão. Em entrevista ao Gshow, a atriz disse que se surpreendeu ao ler os capítulos do enredo e ver as mudanças na personagem.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“É bem interessante essa virada. O que leva uma pessoa a ficar tão determinada a se vingar de alguém ao ponto de chegar tão perto? Acho que ela está um pouco cega pela vingança. Ela está encarando a situação de se envolver com o Belizário para se vingar da morte de Wesley”, analisou a famosa.

Com relação à Lídia (Malu Galli), patroa que demitiu a serviçal injustamente, a estrela declarou que o público pede por esse acerto de contas. “A Penha tá toda imbuída de ódio e vingança. Se a Lídia aparecer pelo caminho, não sei [o que pode acontecer]…”, concluiu Pinheiro.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais