Cíntia confessa ter provocado aborto de Ana Paula: “Você deveria me agradecer!”

Publicado há um ano
Por Felipe Brandão
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Chegou a hora da verdade entre Rogério (Jorge Salinas) e Cíntia (Susana González) em A Que Não Podia Amar. Nos próximos capítulos da novela mexicana do SBT, a vilã confessará ao irmão que foi a responsável pela esposa dele, Ana Paula (Ana Brenda Contreras), ter perdido o bebê que esperava de Gustavo (José Ron).

Após ler a carta deixada por Elias (Fabián Robles), Rogério a acusa de ter matado o filho de Paula. “Por favor, Rogério! Essa criança nem tinha nascido!”, esquiva-se Cíntia. “Como você pode dizer isso? Era uma vida, Cíntia! Você quis matar a Paula, não conseguiu, mas matou o filho dela!”, insiste o cadeirante.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

“Pois você deveria me agradecer! Graças a mim e ao que fiz, agora você não é obrigado a carregar o filho do amor da vida dela!”, revida Cíntia, exasperada. “Como pode pensar que isso era o mais importante? Eu teria criado essa criança com gosto! Porque era o filho da Paula, entende?”, assegura Rogério.

Cíntia, porém, insiste em sua tese: “É graças ao fato de essa criança não existir que a Ana Paula segue ao seu lado!” As palavras da vilã, porém, só enchem Rogério de mais preocupação e desprezo. “Você fez o que fez para que não houvesse nenhum laço entre a Paula e o Gustavo”, conclui, chocado com a frieza de Cíntia.

Mais Informações, curiosidades, sinopse, personagens e o resumo diário e atualizado dos capítulos de A Que Não Podia Amar

Confira o resumo dos capítulos das outras novelas da TV Globo, SBT, Record TV e Band.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio