Cena antológica da troca de bebês de Helena e Eduarda será exibida na próxima semana em Por Amor

Publicado há um ano
Por João Paulo Reis
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Um dos dilemas mais intrigantes da história da teledramaturgia será relembrado na próxima semana em Por Amor. Há mais de duas décadas, o autor Manoel Carlos convidava o público a refletir sobre os limites do amor. Na trama, a personagem Helena (Regina Duarte) para poupar a filha, Maria Eduarda (Gabriela Duarte), troca ainda na maternidade, o seu bebê saudável pelo neto morto. Tudo com a ajuda do médico César (Marcelo Serrado).

Helena diz a todos que o seu filho não resistiu. Eduarda então passa a cuidar do irmão como filho sem saber. A cena icônica que põe em xeque uma situação extrema, continua levantando a questão atemporal. O que você seria capaz de fazer por amor?

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Eduarda (Gabriela Duarte) Com bebê na maternidade em Por Amor (Divulgação/ TV Globo)

A atriz Regina Duarte comenta que este gesto de amor da sua personagem sempre dividiu muito o público em todas as exibições. “Houve quem fosse contra, sim, mas acho que a reação a favor foi mais forte”, diz. Antonio Fagundes, que interpretou o personagem Atílio, pai do bebê de Helena, conta como esta cena mexeu e mexe muito com o público. E carrega todo o conflito até o fim.

“Foi  difícil de fazer porque a gente tinha que descobrir o tom exato daquilo, ao mesmo tempo em que lançava o problema da novela, explicando, de certa forma, o nome da trama: Por Amor”. A cena da troca de bebês em Por Amor vai ao ar na próxima segunda-feira (10).

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais