Celso Portiolli fala sobre bronca de Silvio Santos e saia justa com convite da Globo

O apresentador contou ainda que nunca tomou um 'porre' com o dono da emissora

Publicadohá pouco tempo
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Celso Portiolli contou detalhes de sua relação com Silvio Santos e relembrou uma bronca que já tomou do patrão ao longo de seus 25 anos de emissora. O apresentador falou ainda sobre uma saia justa que passou com o dono do SBT, durante sua participação no OtaLab do UOL.

“Ele me chamou para conversar no camarim e eu já estava há algum tempo sem programa na emissora. Fui um pouco desaforado ao dizer para ele que não faria o que ele me pediu ali na hora e ele arrancou a fita da minha mão e disse que não apostaria mais em mim. Tivemos uma discussão acalorada, mas dias depois voltei ao ar e fiz do programa um dos maiores sucessos meus no SBT“, relembrou.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O apresentador falou sobre o convite que recebeu da Globo e a reação de Silvio Santos. “O ex-diretor de TV Roberto Talma quis me levar para a Globo ao sair do SBT. Eu contei para o Silvio que tinha recebido um convite e ele me perguntou quem queria me levar. Não podia contar na época e pedi uma semana para ele. Ele falou na minha cara que eu estava mentindo e ameaçou ligar para Roberto Marinho. No fim das contas não fui e ele ainda me deu uma lição ao me colocar na geladeira por um tempo”, contou.

Ao ser questionado se já tomaram um ‘porre’ juntos, Celso negou. “Estive uma vez na casa dele e fui super bem recebido. Porre, nunca tomamos juntos, mas bronca no camarim ele já me deu várias vezes. Silvio percebia que às vezes eu estava contrariado em fazer algumas coisas e me mostrava o caminho. Ele foi muito paizão para mim”, relatou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio