Cauã Reymond causa furor na plateia do Programa do Jô desta terça-feira

Publicado em 06/12/2016

De atleta, a estudante de psicologia, a modelo, a ator. A trajetória profissional de Cauã Reymond deu voltas que nem ele poderia imaginar. Convidado do ‘Programa do Jô’ desta terça-feira, o galã faz um balanço da carreira e conta algumas histórias curiosas. “Eu era atleta patrocinado por uma marca de street wear e decidiram fazer um ensaio só com os atletas”, diz ele a Jô Soares, entre gritos da plateia, que ficou alvoroçada com a presença do galã.

Já na nova profissão, Cauã morou em Nova York e foi lá que acabou descobrindo aquela que seria sua grande vocação. “Minha mãe, que é astróloga, falava que eu devia ser ator. Aí fiz um curso de atuação lá mesmo, com uma bolsa de estudos em troca de alguns trabalhos para a diretora da instituição”, relembra. Jô derrete-se pelo talento e simpatia do moço. “Olha, você esteve aqui em 2004, mas não me lembrava de nossa conversa ter sido tão boa como agora”.

O maestro Júlio Medaglia também senta no sofá do Gordo para relembrar o início da carreira, ainda na infância, incentivado pela mãe. “O primeiro instrumento que toquei foi o violino, porque minha mãe descobriu que uma tia tinha tocado também. Fui levado à música e viajei o mundo inteiro por conta dela”, conta. Também escritor, ele comenta sobre a chegada de Jô à Academia Paulista de Letras, da qual também é membro. “Agora somos colegas na APL, foi um momento muito importante e comovente recebê-lo ali”, revela ao amigo.

O ‘Programa do Jô’ vai ao ar de segunda a sexta-feira, logo após o ‘Jornal da Globo’.