Carla Cecato fala sobre caso Robinho: “Difícil saber até que ponto foi algo programado”

Jogador foi condenado em primeira instância por estupro

Publicado há 6 dias
Por Renan Vieira
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

A jornalista Carla Cecato apresentou o Fala Brasil de sábado (17), na Record, e decidiu comentar sobre o caso Robinho, que foi condenado em primeira instância pela Justiça da Itália por estupro. A divulgação de áudios comprometedores do jogador colocou ainda mais lenha na fogueira.

Ao abordar o assunto no jornal, com o jornalista Cosme Rimoli, Carla disse: “O teor das conversas é repugnante, dói até o estômago. Agora, Cosme, como não poderia deixar de ser, como jornalista e como mulher, eu acho que eu tenho direito de falar. Todo mundo sabe também que existem mulheres que vendem o corpo”.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

E continuou: “E esse tipo de atitude entre os jogadores de futebol é comum, é recorrente, né? Essa atitude de contratar mulheres de programa para essas orgias, uma coisa horrorosa. Eu li no livro da Andressa Urach, Morri Para Viver”.

E seguiu: “Elas já iam para esses programas sabendo que iam passar pela mão de vários homens e, por isso, cobravam até mais caro. Então, é muito difícil, quando vem essas acusações de estupro, a gente saber até que ponto foi algo programado”.

Em seguida, Carla explicou melhor sua fala. “Não estou tirando o teor  da conversa, que é de baixo calão, de desrespeito contra a mulher. Ela estava embriagada ao que parece. Ou seja, não poderiam ter continuado esses atos sexuais. Mas que existem muitos escândalos, dos quais essas mulheres, que vendem o próprio corpo, também participam, com anuência, já sabendo o que vai acontecer, existem, né, Cosme?”, perguntou.

O jornalista esportivo, então, rebateu: “Sim, mas aí cabe, também, ao jogador, ao homem ter a decência de participar disso ou não. Quando Robinho fala que a mulher está embriagada e ‘eu não estou nem aí’, ele que se entregou”.

Assista

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais