Carcereiros: Adriano corre perigo após defender detento de assassinato de um delegado

Publicado há um ano
Por Greicehelen Santana
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Adriano (Rodrigo Lombardi) e sua filha Lívia (Giovanna Rispoli) voltam a correr risco de vida na série Carcereiros, que será exibida nesta terça-feira (07), na Globo. Livremente inspirada na obra de Drauzio Varella, a produção começa logo após a estreia de Cine Holliúdy.

No quarto episódio da trama, Adriano e Lívia sofrem um
atentado por conta do misterioso assassinato de um delegado da Polícia Civil. O
perigo tem início quando policiais visitam a Filinto Prates e exigem interrogar
um dos presos: Jamaica (Luiz Felipe
Lucas
) sob pressão também de Leila (Helena
Ranaldi
), a esposa da vítima, que o acusa de ter encomendado o crime.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Apesar de ter jurado de morte o delegado que o condenou
na ocasião, o detento se diz inocente a todo custo. Adriano tenta se manter
ileso e distante da situação. Porém, o cenário muda quando a esposa e o filho
de Jamaica começam a ser vigiados o tempo todo e a sofrer ameaças.

Acostumado a reconhecer facilmente as verdades e
mentiras do tribunal do crime, o carcereiro acredita no detento e promete
ajudá-lo a descobrir a verdade, resgatando sua família e oferecendo abrigo. O
que Adriano não sabe é que, ao tomar essa decisão, coloca em risco a sua vida e
de Lívia.

Isso porque os policiais não aceitam o seu envolvimento na história e acabam baleando sua casa, no meio da noite. Sem saída, ele se vê obrigado a pedir ajuda ao pai, Thibério (Othon Bastos). Rapaz acaba acolhendo a todos enquanto o problema não se resolve e aconselhando o filho a esquecer tudo e se manter neutro.

Adriano é pressionado por Erika

Mas, após os últimos acontecimentos, Adriano sabe que
já se tornou personagem quase central da investigação. Então ele decide
descobrir por conta própria o que realmente aconteceu com o delegado, chegando
a uma verdade completamente inesperada ao final.  

Em meio a todo o
perigo, Adriano ainda tem que enfrentar os dilemas em sua vida pessoal.
Mergulhado em um relacionamento cada vez mais intenso com Erika (Letícia Sabatella), ele encara as
expectativas e frustrações da namorada. Ela exige mais a sua presença e pede
que ele a ajude a quebrar uma das regras da penitenciária, para que possam
ficar cada vez mais próximos.

Em sua segunda temporada, Carcereiros
é escrita por Fernando Bonassi, Marçal Aquino e Dennison Ramalho, ao lado de
Marcelo Starobinas, Aly Muritiba e Paulo Lins. A direção
geral é de Eduardo Belmonte.

A série é uma coprodução da Globo com a Gullane e a
Spray Filmes, e conta com direção de episódios de: Belmonte, Aly Muritiba,
Dennison Ramalho, Phlippe Barcinski e Raoni Rodrigues.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Carregar mais