Câmera Record mostra a beleza das modelos plus size

Publicado há 5 anos
Por Neuber Fischer
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O Câmera Record que vai ao ar nesta quarta-feira (02), discute um tema polêmico: o que determina um corpo bonito? Se a saúde estiver em dia, ter uns quilos a mais é realmente um problema?

Os repórteres do programa ouviram brasileiros que assumiram o excesso de peso e fazem sucesso por causa disso.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Fluvia Lacerda, a brasileira considerada a “Gisele Bündchen” , faz parte de um mercado que movimenta R$ 5,5 bilhões por ano. “Eu sou o padrão. É difícil encontrar uma mulher tamanho 38”, declara a modelo.

Neto LX, o autor da música “Gordinho Gostoso”, revela que só conseguiu ficar famoso depois que ganhou 20 quilos. “Quando eu saio na rua e encontro os meus fãs, é aquela comoção. É foto, é video, é aquela gritaria”, diz.

O vocalista da banda Raimundos, Digão, abre o jogo. “Tive que cortar alguns trechos da letra de ‘Gordelícia’”, conta o cantor. Afinal, a música é uma homenagem ou uma crítica às mulheres acima do peso?

O preconceito fica claro em alguma situações. A professora Thaís Oliveira é um exemplo. Ela resolveu postar uma imagem em uma rede social em que aparece de biquíni e virou alvo de comentários maldosos por exibir alguns quilos a mais. “Eu estava tão feia assim?”, pergunta Thaís, que levou o caso para a polícia.

O Câmera Record, apresentado por Marcos Hummel, vai ai ar nesta quarta-feira, à 0h15, logo após Gugu.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio