Cabo Daciolo diz que Bolsonaro deve ter cuidado com Mourão: “Quer a cadeira dele”

Candidato derrotado na última eleição deu entrevista a Danilo Gentili

Publicado há 4 meses
Por Felipe Brandão
Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

Candidato derrotado às eleições presidenciais no ano passado, Benevenuto Daciolo Fonseca dos Santos – mais conhecido como Cabo Daciolo – foi o convidado de hoje (quarta-feira, 30) de Danilo Gentili em seu programa The Noite, apresentado por ele diariamente no SBT.

Durante o bate-papo, Daciolo falou sobre a situação atual do Brasil nas mais diversas esferas da vida política e afirmou ter convicção de que um dia será presidente do Brasil. Indagado por Danilo sobre quando crê que isso acontecerá, ele afirmou simplesmente que será “no tempo de Deus“.

Continua depois da publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio

O coronavírus também entrou em pauta durante a entrevista. Em certo momento, Gentili questionou Daciolo sobre a afirmação do rapper norte-americano Kanye West de que a vacina contra covid-19, quando surgir, será a ‘marca da Besta’ profetizada no livro bíblico de Apocalipse.

Daciolo deixou claro que discorda de tal tese. “Eu não diria isso. Acho que investir em educação, ciência e tecnologia no atual momento é fundamental“, afirmou.

Dormindo com o inimigo?

O momento mais polêmico da entrevista, porém, deu-se quando Daciolo afirmou que enxerga o general Hamilton Mourão, vice-presidente da República, como ameaça ao governo de Jair Bolsonaro.

O Bolsonaro precisa tomar o cuidado com o Mourão. Mourão quer a cadeira dele. Ele é grau 33 na maçonaria. Bolsonaro é um cara de coração bom“, declarou.

Publicidade

Carregando...

Não foi possível carregar anúncio